Ana Luísa Lourenço é candidata de Alcochete a bastonária e Luís Silva ao CRL com lista por Sesimbra

166
visualizações

A candidata a bastonária da Ordem dos Advogados tem escritório em Alcochete. Já o advogado Luís Silva apresenta as suas propostas por Sesimbra ao Conselho Regional de Lisboa

 

- Pub -

À semelhança do barreirense António Jaime Martins, conforme noticiou O SETUBALENSE esta quinta-feira, também a advogada com escritório sediado em Alcochete, Ana Luísa Lourenço é candidata pela lista L ao cargo de bastonária da Ordem dos Advogados (OA), nas eleições para o triénio 2020/2022, num acto eleitoral que decorre nos próximos dias 27, 28 e 29, marcado pela votação por via electrónica. A par da jurista da extinta comarca do Montijo, o actual vice-presidente do Conselho Regional de Lisboa (CRL) da OA, Luís Silva, também está na corrida à liderança daquele órgão.

Na perspectiva de Ana Maria Lourenço, cuja candidatura apresenta-se sob o lema “Ordem na Ordem e Justiça na Justiça”, o futuro deve ser marcado por uma “mudança de atitude”, face ao que classifica ser a “repetição do mesmo cenário monocolor e desgastado do passado”. Das cinco linhas principais propostas, destacam-se a defesa de uma Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores para a sua protecção social, a dignificação da imagem da advocacia e a sua identificação com princípios e valores, mas também um exercício da profissão com a garantia de direitos a estes profissionais em subordinação jurídica, assim como um apoio judiciário digno para advogados e mais justo para as populações.

Mesmo nunca tendo integrado nenhum órgão daquela Ordem, garantiu ao jornal O SETUBALENSE, que a sua lista pretende assumir-se como “uma candidatura diferente””, sem que o seu programa “esteja fechado”. Neste sentido, afirma que diariamente tem procurado “contactar com os colegas para que possam dar o seu contributo para o programa” apresentado em Agosto. “A Ordem não se limita ao Conselho Geral e com todos nós é que será possível cumprir o que está no regulamento, daí ouvirmos todas as delegações”, sustenta, pretendendo “chamar os colegas à sua Ordem.

Candidato de Sesimbra ao CRL reúne com advogados do concelho

Na quarta-feira, o advogado Luís Silva, mais um dos candidatos da margem sul ao CRL da Ordem, marcou presença num encontro que teve lugar na delegação de Sesimbra da Ordem dos Advogados com colegas da profissão. O objectivo foi abordar o papel do CRL no dia-a-dia do advogado. O encontro inseriu-se no calendário de divulgação das propostas da Lista Z na corrida àquele órgão.

“Proximidade, Diálogo e Compromisso” são os três pilares do seu programa eleitoral, que lidera uma equipa de 21 elementos afectos ao Conselho da Ordem dos Advogados e cujo raio de acção se estende de Peniche a Sesimbra, incluindo a Grande Lisboa. Entre as suas prioridades, conta-se a intenção de “intervir neste momento para quebrar a tendência para o conformismo, intervir com coragem e frontalidade assumindo que o CRL tem de sair de uma certa zona de conforto”. Afirma ainda que “a falta de criatividade e falta de intervenção” devem dar lugar a “iniciativas novas e soluções, já que as anteriores estão esgotadas”. Consigo nestas eleições estão ainda Felisbela dos Reis (Sesimbra), José Carlos Cardoso (Seixal) e Ana Luísa Costa (Lourinhã), com a restante equipa a ser constituída por 16 membros, dois dos quais dos concelhos do Barreiro e Seixal.

 

Por Luís Geirinhas

Comentários

- Pub -