Volta da Pedra assina contra encerramento do balcão Santander Totta

298
visualizações

O encerramento do balcão Santander Totta em Volta da Pedra deixará os moradores com acesso condicionado a serviço multibanco

 

- Pub -

 

 

 

No dia 19 de Julho o balcão Santander Totta da localidade de Volta da Pedra, em Palmela, vai encerrar portas. Os moradores contestam a decisão da entidade bancária, afirmando que vão ficar “sem acesso a serviços essenciais, porque não é apenas o encerramento do balcão que está em causa, mas também a retirada do ATM”.

Carla Calisto, proprietária de uma pastelaria nas imediações deste balcão explica que, “existem outras caixas Multibanco na localidade. No entanto, estão colocadas no interior de supermercados, que encerram às 21h00. A partir dessa hora ficamos sem soluções”.

Com o objectivo de impedir o encerramento de serviços, Carla Calisto revela que os moradores já estão a fazer circular um abaixo-assinado “para entregar no balcão do Santander Totta e ser encaminhado à Administração”. O passo seguinte será contactar com o executivo da Câmara Municipal de Palmela, “no sentido de saber que outras medidas podem ser tomadas”.

Recorde-se que, em 2018, o Banco Santander Totta fechou 100 balcões em Portugal e despediu mais de 200 trabalhadores. Na época, Pedro Castro e Almeida, novo presidente executivo do banco, justificou a redução de trabalhadores com acordos de rescisão e reformas antecipadas. Indicando também que o encerramento dos 100 balcões estava de acordo com o previsto.

Comentários

- Pub -