Cartão Cheque Cultura em apreciação pública até 27 de Dezembro

15
visualizações
????????????????????????????????????

Dirigido aos munícipes barreirenses, podem beneficiar gratuitamente deste cartão, todos os residentes que tenham idade igual ou superior a 12 anos.

O regulamento do Cartão Cheque Cultura está desde esta quinta-feira em apreciação pública no Barreiro, até ao próximo dia 27 de Dezembro, com os interessados a poderem enviar por escrito as suas sugestões para o município ou através de endereço electrónico durante o período de um mês, apesar da constituição e apresentação de contributos ter terminado a 3 de Outubro, sem que tenham sido registadas quaisquer entregas de sugestões ao documento.

- Pub -

O cartão, segundo a autarquia, integra-se numa “estratégia de incentivo ao acesso e divulgação de actividades culturais” e pretende criar “uma rede de concessão de benefícios e reduções em bens e serviços ligados à cultura”, bem como dinamizar um sistema de promoção destas actividades no concelho. De acordo com a nota justificativa do regulamento da câmara municipal, verifica-se que “os benefícios decorrentes da atribuição de apoios, são manifestamente superiores aos custos que lhe estão associados”, na medida em que estes terão “um forte impacto na formação de novos públicos” e na criação de novos hábitos de acesso à cultura, por parte da dinamização dos eventos pelos agentes culturais e da sua produção.

Dirigido aos munícipes barreirenses, podem beneficiar gratuitamente deste cartão, todos os residentes que tenham idade igual ou superior a 12 anos, mediante a sua apresentação, sendo válido em todo o concelho, independentemente do local onde for adquirido.

Entre as regalias de quem decida aderir ao Cartão Cheque Cultura, estão previstos descontos em serviços, equipamentos e bens, sendo que no caso dos espectáculos o desconto no valor de dois euros por cada cartão só será válido quando os bilhetes sejam iguais ou superiores a cinco euros. No caso das publicações ou edições da autarquia, o desconto deste cartão, que terá um período de validade de cinco anos, será definido caso a caso. Refira-se que o referido regulamento entra em vigor no dia seguinte à sua publicação e que um dos objectivos desta medida passa pela cultura “ser um dos eixos de desenvolvimento económico do Barreiro”.

Comentários

- Pub -