Museu da Música Mecânica vai destacar Gaita de fole em exposição

38
visualizações

Iniciativa integra o processo de candidatura ‘Palmela é Música’ à Rede de Cidades Criativas da UNESCO

 

- Pub -

“Paisagem sonora – a Gaita de fole” dá nome à mostra que vai ser inaugurada pela Câmara Municipal de Palmela, no próximo sábado, 9, a partir das 16h30, na Sala de Exposições Temporárias do Museu da Música Mecânica, em Pinhal Novo. A exposição vai ficar patente no referido espaço museológico até 2 de Outubro.

“A exposição sobre este instrumento musical popular, que tem forte expressão no concelho de Palmela, é organizada pelo município, em parceria com o Museu da Música Mecânica, o Festival Internacional de Gigantes (FIG), a Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita de foles, o Círio dos Olhos d’Água, o Círio da Carregueira e o Bardoada – O Grupo do Sarrafo”, revela a autarquia, que adianta outro dos atractivos da mostra.

“A iniciativa integra o ‘Palmela é Música’, processo de candidatura de Palmela à Rede de Cidades Criativas da UNESCO, na área da música, constituindo-se como mais uma oportunidade de sublinhar publicamente o comprometimento do município e dos parceiros neste processo”, explica a edilidade.
A cerimónia de inauguração da exposição vai ser abrilhantada com a participação especial da Orquestra de Foles da Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita de foles.

O público poderá visitar a mostra de terça-feira a domingo, das 14h30 às 17h30 (encerra no domingo de Páscoa), “sendo o acesso feito com o bilhete de entrada no Museu”. Quem visitar a exposição poderá ficar a “saber mais sobre a história, os tipos e formas de construção da Gaita de fole, os músicos e repertórios, os círios e os gaiteiros”.

Salientando a forma como nasceu a Gaita de fole e as suas características sonoras, a autarquia sublinha ainda que “o repertório” associado ao instrumento é “maioritariamente de tradição oral”, tendo passado “de geração em geração, num movimento de sobrevivência”, quer da Gaita de fole quer dos músicos, “gaiteiros de alma cheia”. Actualmente, acrescenta o município, a Gaita de fole “reveste-se de novas dinâmicas e é tocada por homens e mulheres nos mais variados contextos musicais”, alcançando uma “expressão singular no concelho de Palmela”.

 

Actividades associadas à mostra

 

Paralelamente, a Câmara anuncia que o Museu Municipal de Palmela “vai dinamizar, em Abril, um conjunto de actividades”, no âmbito da referida exposição que irá estar patente no Museu da Música Mecânica.

“Páscoa 2019 – Férias a crescer… A Gaita de fole” será o tema do programa de ocupação dos tempos livres dos mais jovens nas férias da Páscoa deste ano. As actividades vão decorrer das 10h30 às 12h00 e das 14h30 às 16h30, no dia 10, para crianças dos 6 aos 8 anos, e no dia 11, para crianças dos 9 aos 11 anos (limite de 25 crianças por grupo).”

O ponto de encontro, indica a autarquia, será no Castelo de Palmela/Atelier do Serviço Educativo. A participação é gratuita para residentes, estudantes e filhos de trabalhadores no concelho, “mediante inscrição prévia e por ordem de chegada, até ao dia 3 de Abril”.

Ainda na sequência da mostra “Paisagem sonora – a Gaita de fole”, terá também lugar, mas a 13 de Abril, outra iniciativa: a “Oficina de palhões e afinação de Gaita de foles”, promovida pela Oficina Sons da Música (Victor Félix e Mário Estanislau). Esta oficina decorrerá no Museu da Música Mecânica, das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h00, com um número mínimo de oito participantes e máximo de 12. A participação também é gratuita, mediante inscrição prévia e por ordem de chegada.

As inscrições para estas duas actividades, lembra o município, devem ser efectuadas através dos contactos [email protected] ou 212 336 640.

Comentários

- Pub -