Albérico Afonso revela caminhos de Zeca

40
visualizações

O cantaautor que ficou na história da democracia teria comemorado este ano o seu 90.º aniversário. Quais os locais e Setúbal que mais falam de Zeca Afonso fazem parte de um roteiro desvendado esta sexta-feira

 

- Pub -

À descoberta dos passos de José Afonso pela cidade de Setúbal, o professor e investigador Albérico Afonso Costa construiu um roteiro com mais de quatro dezenas de locais a que o cantor e poeta da liberdade esteve ligado. Um livro que é apresentado sexta-feira, às 22h00, na Casa da Cultura, numa sessão do ciclo Muito Cá de Casa.

 

Publicado no ano em que o homem de esquerda que escolheu Setúbal para viver os seus últimos 20 anos, comemoraria o 90.º aniversário, “Lugares de José Afonso na Geografia de Setúbal” teve por base material documental fornecido pela AJA – Associação José Afonso.

 

O livro faz a história da passagem do cantautor pela cidade, por locais como o antigo Liceu Nacional de Setúbal, para onde foi nomeado como professor, em 1967, o edifício onde funcionaram o departamento e os calabouços da PIDE, polícia política do fascismo, no Bairro Salgado, onde esteve detido várias vezes, e o Clube Naval Setubalense, onde Zeca foi um dos oradores no primeiro comício do 1.º de Maio de 1974.

 

O livro, editado pela AJA, com os apoios da Câmara Municipal de Setúbal e do Instituto Politécnico de Setúbal e concepção gráfica da DDLX, é apresentado por Luísa Tiago de Oliveira e Viriato Teles, em sessão a realizar na Sala José Afonso.

 

O roteiro dos locais icónicos da cidade sadina associados a Zeca Afonso é, igualmente, o mote para uma conversa entre Albérico Afonso Costa e o público, moderada por José Teófilo Duarte.

 

O ciclo Muito Cá de Casa é promovido pela Câmara Municipal de Setúbal em parceria com o atelier DDLX, com diversos apoios.

Comentários

- Pub -