EUROPEIAS 2019 | PS varre tudo

117
visualizações

Socialistas vencem em toda a linha no distrito. CDU reduzida a pouco mais de metade. BE foi quase ao dobro e PAN ficou perto do triplo. MPT desapareceu

Clique

Clique aqui para Conferir os resultados finais no distrito e concelho a concelho

- Pub -

O SETUBALENSE republica hoje os resultados das Europeias 2019, e os números comparativos de 2014, agora já com a contagem de votos fechada nas 55 freguesias do distrito de Setúbal. O PS varreu a região, vencendo nos 13 concelhos com um total distrital de 34,81% (superior ao total nacional de 33,41%), traduzido dos 90.067 votos conquistados – mais 15.855 do que em 2014, quando alcançou 28,78%.

Os socialistas relegaram para segundo plano uma CDU que cinco anos antes havia sido a primeira força política mais votada no distrito com 74.867 votos (29,04%), mas que agora acabou reduzida a pouco mais de metade desse registo com 44.337 votos (17,14%) – uma perda de 30.530 votos –, canibalizada que foi sobretudo por BE (que passou de 15.455 para 30.704 votos) e PAN (cresceu de 5.771 para 17.051 votos). Ainda assim, em termos nacionais, a CDU conseguiu eleger dois eurodeputados (tinha três). Nota de destaque para o desaparecimento do MPT que nas anteriores Europeias havia conseguido 16.079 (6,24%) votos no distrito, sendo então a quarta força eleita.

Já o PSD baixou para quarto partido mais votado, quando em 2014 havia sido o terceiro, mas em coligação com o CDS, com 35.861 votos (13,91%). Os social-democratas alcançaram agora 26.726 votos (10,33%), que se se somarem com os 9.813 (3,79%) conseguidos pelos centristas perfaz 36.539.

A abstenção voltou a ser elevada no distrito (64,80%), acima dos 64,68% do total nacional. Sines foi o concelho da região com mais abstenção (71,47%, mais 6,79 pontos do que a média nacional), sucedendo assim ao Montijo que em 2014 havia registado a maior taxa da região (69,25%).

Comentários

- Pub -