Clube Militar de Oficiais de Setúbal renasce como Posto de Turismo

136
visualizações

A compra do Clube Militar de Oficiais de Setúbal vem unir-se ao Quartel do 11, também adquirido pela Câmara Municipal no passado. Objectivo: requalificações estratégicas. 

 

- Pub -

O município acaba de adquirir o edifício do Clube Militar de Oficiais de Setúbal. A compra foi anunciada pela presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, em Sessão de Camara após contacto do Secretário de Estado do Orçamento, João Leão.

O destino do clube também já está confirmado. “Será um grande Posto de Turismo”, avança a autarca. “No entanto, o espaço estará sempre aberto para os oficiais”.

A intenção de comprar este edifício para requalificação “com grandes potencialidades num espaço nobre da cidade” já estava a aguardar decisão do Governo há algum tempo. “A proposta tinha sido apresentada, faltava um despacho final”, refere Dores Meira.

Agradecer ao Governo, Dores Meira agradece, “mas pela decisão para que o projecto do Clube de Oficiais se concretize, porque o PS não tem dado nada, nós é que temos comprado”, afirma.

 

“O PS não tem dado nada, nós é que temos comprado”

 

No momento em que ficou conhecida a decisão do Governo em aceitar a proposta do município de Setúbal para adquirir o Clube Militar e de Oficiais de Setúbal, Dores Meira aproveitou para responder a afirmações de Ana Catarina Mendes, cabeça de lista pelo círculo eleitoral de Setúbal nestas Legislativas. Em entrevista a O SETUBALENSE-DIÁRIO DA REGIÃO,

a deputada afirmou que, “quando o PS governa o distrito não é esquecido. E, em tempo de campanhas, Dores Meira respondeu. “Sempre que o PS está no governo Setúbal fica a perder”.

Para esclarecer a sua posição a autarca recordou a aquisição do Quartel do 11, “suportada pela autarquia, assim como a requalificação do Convento de Jesus e de toda a envolvente que, sendo um monumento nacional teve que ser, também, suportada com os impostos dos munícipes e recurso a apoios comunitários”.

Quanto ao Forte de Albarquel, não ficou esquecido na lista de Dores Meira. “Só no Governo PSD é que nos deram o Forte. Agora requalificado graças ao mecenato de uma fundação inglesa”.

 

Comentários

- Pub -