Luso apaga 99 velas e já prepara futuro

51
visualizações

Rui Pedro Pereira revelou ainda que a sede do clube vai entrar em obras este ano e que a história do clube será perpetuada no centenário. Projecto para futebol em cima da mesa

 

- Pub -

Foi perante uma sede repleta de sócios, atletas e simpatizantes que o Luso Futebol Clube comemorou 99 anos de existência, no passado sábado, 13, numa cerimónia que ficou marcada pelo anúncio de obra e da recandidatura do presidente da direcção, Rui Pedro Pereira, a mais um mandato.

O edifício-sede vai ser alvo de uma intervenção de requalificação ainda este ano, iniciando-se assim os preparativos para as celebrações do centenário, que ficará assinalado com a edição de um livro a retratar a história do clube, revelou Rui Pedro Ferreira, anunciando ainda que irá recandidatar-se à presidência da direcção nas eleições a agendar dentro em breve.

A edifício-sede do Luso, no âmbito de uma candidatura que contou com os apoios da Câmara Municipal do Barreiro e da Junta de Freguesia local, vai ser “reparado, impermeabilizado e pintado este ano”, disse o dirigente. No horizonte estão já as comemorações do centenário e Rui Pedro Pereira avançou que a história do primeiro século de existência do clube será perpetuada em livro.

“O Luso Futebol Clube vai editar e publicar o livro dos seus 100 anos”, anunciou o responsável. Nesse sentido, a direcção lança um apelo a todos os que possuam “documentos antigos, fotografias, recortes de jornais e até histórias sobre o clube que os façam chegar à secretaria do clube, de segunda a sexta-feira entre 15h00 e 21h00, ou através e-mail  [email protected]”.

No plano desportivo, Rui Pedro Pereira lembrou o passado do Luso nas modalidades de futebol, basquetebol, luta greco-romana e halterofilismo, ao mesmo tempo que justificou a pausa da actividade futebolística em virtude de o clube não ter actualmente campo para a prática. Porém, acrescentou que “existe um projecto para o regresso do futebol de formação e futebol feminino” em cima da mesa.

A cerimónia de aniversário permitiu ainda distinguir, com diplomas e emblemas, entregues pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral, Leopoldino Machado, os sócios com 75, 50 e 25 anos de filiação ao clube.

 

Comentários

- Pub -