Baía do Tejo e município assinaram protocolo com Re-Food4Good

109
visualizações

Parceria tripartida vai possibilitar a angariação de bens alimentares para as pessoas mais necessitadas. Instalações foram conseguidas rapidamente devido à colaboração com parque empresarial

 

- Pub -

A Baía do Tejo, o município do Barreiro e a Re-Food4Good assinaram esta terça-feira um protocolo tripartido, na sala de sessões da autarquia, para formalizar o apoio à criação de um núcleo da associação no concelho, que tem por missão eliminar o desperdício de alimentos e da fome e ao mesmo tempo reduzir os resíduos produzidos nas cidades. Aquela unidade foi uma das que “conseguiu implementar-se mais rapidamente no terreno, tanto a conseguir instalações para a sua actividade, como a reunir as condições operacionais necessárias para entrar em funcionamento”, tendo sido fundamental a possibilidade da sua sede ficar situada na zona ocupada pelo parque empresarial.

Hunter Halder, fundador e presidente da associação, afirmou ser com “felicidade e orgulho que estabelecemos esta parceria entre instituições públicas e privadas” no Barreiro. O responsável lembrou ainda a importância do trabalho “comunitário e voluntário” ali desenvolvido, que neste momento já envolve dezenas de pessoas.

Já o presidente do Conselho de Administração da Baía do Tejo, Jacinto Pereira, destacou o papel do parque naquele processo e “a sua responsabilidade social de interacção e apoio nas iniciativas da comunidade, que sempre foi e esperamos que continue a ser uma colaboração com a autarquia, de quem estamos sempre muito próximos e ainda mais neste tipo de intervenções dirigidas à comunidade e principalmente àqueles que mais precisam”, disse.

O responsável sublinha ainda que a empresa “tem e sempre terá esta disponibilidade para com estas iniciativas”, tendo cumprimentado “todas as pessoas que se voluntariam diariamente por uma causa que é fundamental e torna melhor a vida a muitas pessoas”, tendo acrescentado que o parque “tem uma grande sensibilidade para este tipo de acções e foi por isso que nos associámos” a este projecto, tendo desejado à equipa que integra a associação que “cumpra o mais rapidamente possível os seus objectivos”.

 

“Um bem precioso de forma anónima”

Por sua vez, Frederico Rosa, presidente do município, agradeceu a todos os que fazem com que ReFood “tenha uma implementação notável”, fazendo “um bem precioso de forma anónima, mas sempre com um grande coração”.

O autarca realçou também a importância da parceria, que “permitirá dar melhores condições a vários habitantes do concelho” e afirmou ser fundamental que todos sintam que “o desenvolvimento e a criação de riqueza, também tem o propósito não de subsidiar, mas sim investir em criar melhores condições para que melhor possamos servir todos” os barreirenses. “Mais desenvolvimento e melhores condições, significa sempre mais condições para investir e criar condições para todos”, concluiu.

A ReFood  está instalada no Edifício A4, na Rua 11, do Parque Empresarial Baía do Tejo.

Comentários

- Pub -