Campos de férias na Mata da Machada batem recorde de participações

25
visualizações

Mais de 170 crianças e jovens frequentaram os campos de férias este ano. Vereador Bruno Vitorino realça sucesso e importância da iniciativa

Pelo segundo ano consecutivo, os campos de férias na Mata da Machada, no Barreiro, bateram o recorde de participação de crianças e jovens.
Este ano, de Julho a Setembro, a iniciativa organizada pelo Centro de Educação Ambiental da Câmara Municipal contou com mais de 170 participantes, um novo máximo que veio suplantar a marca que havia sido alcançada no ano anterior, quando, então, cerca de 150 crianças e jovens frequentaram os campos de férias.
Os números dizem bem do sucesso do projecto, que mereceu uma nota de destaque, na última reunião pública do executivo camarário, por parte de Bruno Vitorino, vereador responsável pelo pelouro da Sustentabilidade Ambiental e Eficiência Energética.
Depois de sublinhar a crescente adesão à iniciativa, o autarca do PSD lembrou a importância do programa para os mais jovens, desde logo porque lhes permite um contacto directo com a fauna e flora da Reserva Natural Local do Sapal do Rio Coina e da Mata da Machada.
“As questões da protecção do planeta, de hábitos e práticas de vida mais sustentáveis, também se informam, também se educam”, explicou Bruno Vitorino.

- Pub -

 

Várias actividades

Os campos de férias apresentam, de resto, “uma componente didática, dirigida para a educação ambiental, em que se pretende que as crianças se divirtam, mas também que aprendam”, reforça.
Bruno Vitorino regista ainda com “muito agrado” o facto de as inscrições de crianças e jovens na iniciativa terem vindo a apresentar tendência para esgotarem muito rapidamente.  Um indicador, considera, que reflecte o êxito que o projecto tem vindo a atingir.
Divididos por quinzenas, os campos de férias proporcionaram este ano actividades diversas, como jogos em contacto com a natureza, ateliers de culinária, oficinas lúdico-pedagógicas sobre a temática do ambiente, iniciativas de controlo de espécies invasoras (integradas no Projecto LIFE Biodiscoveries), escalada, piscina, entre outras.
Recorde-se que, além das habituais inscrições, são também convidadas a frequentar os campos de férias crianças de várias instituições sociais do concelho do Barreiro.

Comentários

- Pub -