Alexandrina Pereira vai ser homenageada na Volta da Pedra

66
visualizações

Amigos preparam homenagem à poetisa, a mulher solidária e a dirigente cultural e esperam participação de uma centena de pessoas

 

- Pub -

Alexandrina Pereira, que tem dividido a sua vida entre Palmela (onde reside) e Setúbal (onde nasceu), vai ser homenageada por cerca de uma centena de amigos.

A homenagem é uma forma de lembrar a vida de uma mulher que tem a paixão da cultura e um coração solidário. A poetisa e escritora, autora de marchas de sucesso em Setúbal, Azeitão e Águas de Moura, criadora do Hino do Grupo da Volta da Pedra, foi responsável por vários livros, o último dedicado às Grandes Marchas de Setúbal.

A Volta da Pedra promove a homenagem a Alexandrina Pereira, que se tem destacado no movimento associativo, desde o Grupo de Amigos do Concelho de Palmela, a Casa Sebastião da Gama e a Casa da Poesia de Setúbal. A criadora do Festival Infanto-Juvenil da Volta da Pedra revela ter ficado “muito surpreendida com a homenagem que me vão fazer” e destaca “é a primeira homenagem que me fazem, mas também o Grupo Fonte Nova e no Grupo da Volta da Pedra já me distinguiram com placas”.

A poetisa já foi condecorada com medalhas de mérito pela Câmara de Setúbal e pela Câmara de Palmela, mas considera que esta homenagem “terá outro cariz, onde um grupo de amigos decidiu fazer-me esta surpresa” e “encaro-a como um gesto muito bonito e certamente será uma noite de grande emoção”.

A homenagem será acompanhada de fado, poesia, música e muitas surpresas, onde os amigos irão dar um abraço especial à mulher da cultura e da solidariedade, no dia 31 de Janeiro, próxima sexta-feira, às 21h00, no Grupo da Volta da Pedra.

Comentários

- Pub -