União Mutualista do Montijo certificada com qualidade de alto a baixo

Todos os equipamentos e valências receberam selo atribuído pela EIC. Pedro Santos, presidente do conselho de administração, realça caso único no País. “Só o trabalho árduo de todos os profissionais desta instituição permitiram atingir um resultado que a todos orgulha”, afirma

Os sete equipamentos da União Mutualista Nossa Senhora da Conceição (vulgo Montepio) do Montijo e todas as valências que a instituição apresenta receberam o selo de qualidade atribuído pela Empresa Internacional de Certificação (EIC).

“Só o trabalho árduo e um verdadeiro empenho de todos os profissionais desta instituição permitiram atingir um resultado que a todos orgulha e que torna ainda mais distinta a centenária União Mutualista Nossa Senhora da Conceição”, disse Pedro Santos, recém-eleito presidente do conselho de administração do Montepio, que no final de 2019 comemorou 147 anos de existência.

A instituição tornou-se assim, de acordo com o responsável, na única mutualista a ostentar a certificação de qualidade em todos os equipamentos e valências que desenvolve, desde os serviços prestados na área infantil, passando pela acção social e terminando nos cuidados à terceira idade.

O marco alcançado ganha ainda maior relevo pelo facto de em Dezembro de 2017, a União Mutualista ter conseguido a aprovação de um Processo Especial de Revitalização (PER), já que se debatia com “uma situação financeira insustentável”, face a um montante de dívidas “superior a 10 milhões de euros (a maior parte a curto prazo”.

A “profunda reestruturação, o arrumar da casa e a implementação de um novo rumo na instituição”, que culminou com a obtenção da certificação de qualidade no final de 2019, foi trabalho desenvolvido nos dois últimos anos, resume Pedro Santos em jeito de balanço.

A Farmácia da Mutualista do Montijo “foi certificada pela norma ISO 9001:2015 para as actividades de Dispensa e Aconselhamento de Medicamentos e Produtos de Saúde, Preparação de Medicamentos Manipulados, Determinação de Parâmetros Bioquímicos, Fisiológicos e Físicos”, pode ler-se num comunicado da instituição.

Cuidados Continuados Integrados distinguidos

De acordo com a mesma nota, com a norma NP 4543:2017 “foi certificada a Prestação de Serviços de Acção Social para respostas sociais, como Estrutura Residencial para Idosos, Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário no Lar de Montepio; Creche, Pré-Escolar e Actividades de Tempos Livres na Casa da Criança; Creche e Pré-Escolar no Centro Infantil António Marques; Apoio Comunitário no Centro Comunitário; Acolhimento Temporário de Vítimas de Violência Doméstica na Casa Abrigo”.

A Unidade de Cuidados Continuados Integrados “obteve certificação através da norma NP 4547:2018 para a Prestação de Serviços de Cuidados de Saúde – uma das poucas unidades do País certificadas com o selo da qualidade”.

A Empresa Internacional de Certificação (EIC) reconheceu ainda a “qualidade” a serviços de suporte da instituição, como “Compras, Frota, Manutenção e Recursos Humanos”.
A certificação permite à UMNSC afirmar um conjunto transversal de serviços que incidem nas áreas da educação, da saúde e da ação social, com a garantia de que todos são prestados segundo os mais elevados padrões de Qualidade.

Pedro Santos considera que a certificação de qualidade agora obtida vem trazer “motivação extra” bem como um acréscimo de “responsabilidade para fazer cada vez mais e melhor”.

A União Mutualista do Montijo conta actualmente com 3 600 associados, emprega directamente cerca de 200 trabalhadores e serve mais de mil utentes de forma continuada diariamente.

Leave a Comment

Artigos recentes

  • Palmela

Trabalhadores da Hanon de Palmela fazem greves parciais 6.ª feira para exigirem mais salário

Os trabalhadores da Hanon Systems, uma fábrica de compressores em Palmela, anunciaram hoje dois períodos…

21/10/2020
  • Desporto

Olímpico do Montijo vence Tirsense e segue em frente na Taça de Portugal

O Olímpico do Montijo foi a Santo Tirso vencer o Tirsense, por 3-2, seguindo assim…

21/10/2020
  • Empresas

Publireportagem – Alexandra Martins: “Não mudamos vidas, mudamos a forma como as pessoas encaram a vida”

Novo gabinete situa-se no Barreiro e está em actividade desde Fevereiro deste ano Alexandra Martins,…

21/10/2020
  • Setúbal
  • Últimas

“As reservas de água na Bacia do Sado atingiram um nível alarmante”

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) tem hoje agendada uma reunião para discutir medidas de…

21/10/2020
  • Opinião

Um mandato que se adivinha atribulado

Nas últimas duas décadas, o Vitória Futebol Clube (VFC) foi uma máquina implacável a consumir…

21/10/2020
  • Moita
  • Palmela
  • Seixal

Simarsul investe M€1,5 em obras de reabilitação até final do ano

Intervenções em cinco estações de saneamento de águas dos concelhos de Seixal, Palmela e Moita…

21/10/2020

este site utiliza cookies