Quatro dias com os melhores produtos tradicionais do país

27
visualizações

A Feira do Fumeiro de S. Sebastião está de volta e, este ano, com mais expositores que na primeira edição. Os bons produtos tradicionais de todo o país vão estar no Jardim do Monte Belo, e a Junta de Freguesia local promete aproveitar receitas para fazer ainda melhor cidade

 

- Pub -

O Jardim do Monte Belo vai receber a segunda edição da Feira do Fumeiro de S. Sebastião. Mais uma vez estão prometidos os “melhores enchidos, presuntos e queijos nacionais”, e ainda doçaria. Começa esta quinta-feira e vai até domingo com cerca de quatro dezenas de expositores que trazem ao público produtos de todo o país. Portanto, mais uma dezena de expositores que o ano passado.

A escolha é bem alargada começando em produtos da zona da Serra da Estrela, como Seia, Sabugal e Covilhã, saltado para a região alentejana com o melhor que Évora e Estremoz dão ao petisco e à mesa. O percurso dos enchidos tradicionais passa ainda por Viana do Castelo, Mirandela e Lamego. Vai ser também difícil de resistir à gastronomia que demarca algumas zonas do país, caso da sopa da pedra e paladares da comida alentejana e brasileira, pão com chouriço, carnes assadas na brasa.

Para além da boa mesa, os visitantes vão poder assistir a espectáculos diários num espaço onde também vão estar divertimentos infantis como insufláveis e trampolins. Para apontamento: esta quinta-feira é para ver Rui Terrinha às 19h00, no dia seguinte às 21h00 é para Jorge Nice. Para sábado estão marcadas, às 16h00, aulas de quizomba e danças latinas com a Associação Setubailas e às 21h00, sobe ao palco o AlphaTrio. No domingo o espectáculo ainda está por confirmar.

 

Investir na requalificação urbana

 

Organizada pela Junta de Freguesia de S. Sebastião, a feira “surge no âmbito de uma estratégia deste executivo de estender a atividade da Junta de Freguesia a mais espaços de lazer e de cariz comercial, aplicando-lhes uma maior dinâmica”, refere o presidente da Junta de Freguesia de S. Sebastião.

Quanto à escolha do Jardim do Monte Belo para a Feira do Fumeiro, diz o presidente Nuno Costa, que “havia pouca atividade neste espaço, inserido num bairro populoso, que por sua vez está próximo de outros bairros também com muitos moradores, aos quais quisemos proporcionar uma maior oferta de proximidade”.

Quanto às receitas obtidas nos eventos que acontecem neste jardim, o executivo da Junta de Freguesia de S. Sebastião diz que serão investidas “integralmente na regeneração urbana e outras obras de embelezamento do espaço público”.

Comentários

- Pub -