Dezenas de actividades desportivas estreitam relação entre o rio e a serra

32
visualizações
cof

A edição deste ano dos Jogos do Sado foi reconfigurada. Para além de dar mais impulso à marca Setúbal, tem como estratégia aproveitar ainda mais os recursos naturais do concelho

 

- Pub -

 

Até Outubro os Jogos do Sado vão proporcionar mais de duas dezenas de actividades desportivas e de lazer, que pretendem reforçar a ligação do Rio Sado à Serra da Arrábida. Esta 16.ª edição dos jogos são ainda “um vector de conciliação entre o gosto pela prática desportiva e o saudável espírito desportivo”, comenta a presidente da Câmara de Setúbal.

Na apresentação pública dos Jogos do Sado 2019, Maria das Dores Meira realçou a importância deste evento que “marca o calendário desportivo de Setúbal”, como uma “eterna comunhão entre a Serra e o Rio”. Daqui, acrescenta a presidente, “resulta uma das mais belas baías do mundo, de que o parque Urbano de Albarquel, ponto de partida e chegada para tantos eventos do programa, é hoje um dos principais ícones”.

A considerar estes jogos como fonte de “desenvolvimento desportivo do concelho” e “fundamentai para a dinâmica do movimento associativo”, a edil referiu-se à estratégia, agora “reforçada”, das múltiplas actividades organizadas pela Câmara Municipal, juntas de freguesia e associações como assente no “objectivo central de aumentar a participação dos munícipes, do público e participantes”.

A ideia do desporto ser um “pilar central no desenvolvimento do concelho” foi também mencionada pelo vereador responsável pelo área do Desporto em Setúbal. Pedro Pina chegou a apontar esta prática como responsável pela “afirmação da cidade de Setúbal no panorama nacional em várias outras áreas” sociais.

A confirmar o que diz a presidente sobre o estreitamento da relação entre os bens naturais do concelho, o vereador adiantou que esta edição marca a “reconfiguração dos Jogos do Sado” ao promover uma “estreita relação com o seu património natural”.

“Não há dinheiro que compre o espaço regata do Sado ou o espaço natureza da Serra da Arrábida”, comenta o vereador. E o “recentrar” das actividades do programa nestes dois espaços naturais “é uma visão de afirmação”, e um “estimulo à criação de hábitos de vida saudável e feliz”, afirma.

Com uma nova imagem associada aos Jogos do Sado 2019 e uma medalha para todos os participantes, a aposta deste ano é na “qualidade”, acrescenta o autarca.

A importância destes jogos para o “convívio entre todos os grupos etários” foi focada também por Ana Oliveira, directora geral da Águas do Sado, empresa que desde a primeira edição apoia financeiramente esta iniciativa. “É um dos grandes eventos de Setúbal”, diz.

 

Já no domingo realiza-se

o Trail Vale de Barris Jogos do Sado

 

O calendário desportivo da 16.ª edição dos Jogos do Sado arrancou no início deste mês, com a primeira atividade a decorrer entre os dias 1 e 4, direccionada para a promoção escolar de atividades náuticas e de montanha. No próximo domingo realiza-se o Trail Vale de Barris Jogos do Sado.

Em Maio, a 2, 8 e 9, há percursos pedestres escolares pela Serra de São Paulo, a 18 a Regata de Vela de Cruzeiro Jogos do Sado e o Campeonato Nacional Pescola e Parapesca. Dia 19 há o Concurso de Pesca em Kayak e o Alpertuche Nautic Tour, e a 25 e a 26 o Torneio de Voleibol de Praia.

Logo no primeiro dia de Junho realiza-se a Marcha dos Três Castelos. Também dia 1, e depois dia 2 é Raid Biscasco Sadocat. A 8 realiza-se o Open Challenge de natação em águas abertas.

O programa desportivo continua em Julho com a Marginal do Rio Azul, a 5, o Arrábida Swim Challenge a, 21, e o Campeonato Nacional de Remo de Mar/Volta à Anicha, a 28.

Em Setembro, dia 15, decorre a Regata de Banheiras e Insólitos, a Travessia do Sado a Nado, a 21, a Descida do Rio Sado, a 22, e o Duatlo Cidade de Setúbal, a 29.

Os Jogos do Sado 2019 terminam em Outubro com duas iniciativas, a primeira, no dia 13, com o Setúbal Bike Tour e, a segunda, a 19, com o Campeonato Nacional de Canoagem de Mar.

Comentários

- Pub -