“A invenção do Dia Claro” esgotou sala do Luísa Todi

16
visualizações

Lançado o mês passado, o mais recente trabalho da banda pop Capitão Fausto ouviu-se em Setúbal esta semana. Foi mais uma iniciativa integrada no [email protected]ço.28

 

- Pub -

 

O mais recente álbum dos Capitão Fausto, “A invenção do Dia Claro”, foi apresentado a Setúbal no Fórum Municipal Luísa Todi, perante uma sala esgotada.

A banda pop portuguesa formada em 2009, é constituída por Tomás Wallenstein, Domingos Coimbra, Miguel Palha, Francisco Ferreira e Salvador Seabra interpretou temas de deste seu quarto álbum, em que o título foi resgatado a uma das obras de Almada Negreiros.

No concerto na agenda do [email protected]ço.28, programa municipal que celebra localmente o Mês da Juventude, os Capitão Fausto partilharam, através de uma viagem pop com guitarras, órgão, piano e bateria, temas como “Sempre Bem”, “Faço as Vontades” e “Amor, a Nossa Vida”.

Influenciada por lendas musicais como Jimi Hendrix, Arctic Monkeys, Carlos Santana, Gentle Giant, Pink Floyd, The Doors e Beatles, a banda lisboeta estreou-se em 2011 com “Gazela”. Nos anos seguintes, lançou “Pesar o Sol”, “Grelhados ao Vivo” e “Capitão Fausto Têm Os Dias Contados”.

“A Invenção do Dia Claro” foi parcialmente gravado em São Paulo, Brasil, nos estúdios da Red Bull, e lançado em Março deste ano, conta com a colaboração de vários artistas paulistas em oito canções distribuídas por meia hora de música.

Comentários

- Pub -