Programa comemorativo assinala aniversário de Sebastião da Gama

31
visualizações

Sebastião da Gama, o poeta da Serra da Arrábida e filho de Vila Nogueira de Azeitão, completaria ontem 95 anos. Em Setúbal, assinala-se a data com várias actividades que decorrem até sábado

 

- Pub -

 

“É muito bom para nós recordar Sebastião da Gama e este dia e este momento são sempre de alto significado para todos nós, para quem gosta de poesia e para quem gosta de Sebastião da Gama. Ele está sempre presente”, disse Alexandrina Pereira, da Associação Cultural Sebastião da Gama, recordando o Poeta da Arrábida na cerimónia da manhã de ontem.

 

A Praça da República, em Vila Nogueira de Azeitão, recebeu assim o início do programa comemorativo dos 95 anos que Sebastião da Gama faria este ano se fosse vivo. “Nos seus vinte e sete anos de vida, Sebastião deixou-nos tanto que seria tão bom para nós tê-lo mais tempo”, continuou, aproveitando para destacar a importância da presença do padre Ivan Petliak, o vigário paroquial de Azeitão, naquele momento, porque “Sebastião da Gama era um homem de muita fé”.

 

De Azeitão ao Portinho da Arrábida

“Falar de Sebastião da Gama é falar de Setúbal, de Vila Nogueira de Azeitão, de onde é natural, e falo no presente porque ele está bem presente. É falar da Serra da Arrábida, que ele tanto amava, mas também é falar dos primeiros passos de sensibilidade ecológica e consciência ambiental que ele tinha e nos deu”, começou por dizer a vereadora da Câmara Municipal de Setúbal Eugénia Silva. “É falar também do homem, da pessoa, do poeta. Celebremo-lo, então. Celebremos sempre Sebastião da Gama”, continuou.

 

Presentes na Praça da República estiveram várias entidades colectivas e singulares que não quiseram deixar passar esta data em branco. Para Pascale Lagneaux, responsável pelo pelouro da Cultura da Junta de Freguesia de Azeitão, em representação da presidente, Celestina Neves, que não pôde marcar presença por motivos de agenda, “Sebastião da Gama foi um dos poetas que deixou uma grande marca em Azeitão, que é como toda a gente sabe uma terra de poetas, de artistas” e mais importante do que repetir ano após ano este momento é relembrar sempre o poeta. “Este é um momento de alegria, vamos celebrar este dia. O programa começa hoje e vai até sábado, no Portinho da Arrábida, que era um espaço muito especial, muito místico para o nosso poeta”, adiantou.

 

Como é costume, foram depositadas flores junto da estátua erguida ao poeta, professor e ambientalista, seguindo-se vários momentos de leitura de poemas. A primeira foi Joana, que brindou os presentes com a leitura de um poema de Serra-Mãe e de um poema escrito por si. Alexandrina Pereira aproveitou o momento para parabenizar a jovem e explicar que um dos pilares do trabalho realizado pela associação é passar a mensagem de Sebastião da Gama aos mais novos.

 

O grupo deslocou-se depois ao cemitério local, realizando a também habitual romagem. Junto à campa de Sebastião da Gama, houve novo momento de leitura de poemas, desta vez por membros da associação, da igreja e da autarquia. Numa parceria da Câmara Municipal de Setúbal, da Junta de Freguesia de Azeitão, do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas e a Associação Cultural Sebastião da Gama, as comemorações deste 95º aniversário do poeta da Serra da Arrábida prosseguem este sábado, dia 13, com momentos de declamação de poesia dedicado a Sebastião da Gama. “Poesia de Sebastião e para Sebastião” começa pelas 15h00, no Museu Oceanográfico – Fortaleza de Santa Maria, no Portinho da Arrábida.

Comentários

- Pub -