Vitorino ‘abre’ 45 anos de Abril

35
visualizações
Vitorino atravessou distintas fases e abraçou diferentes estilos de música, do cante alentejano ao fado de Coimbra

O cantor e autor do Redondo traz os Concertos Biográphicos de Vitorino ao palco do Seixal, onde será acompanhado por Rui Alves, Carlos Salomé, Sérgio Costa, Ioannes Krieger Paulo Jorge

 

- Pub -

 

O palco do Auditório Municipal do Fórum Cultural do Seixal vai receber os Concertos Biográphicos de Vitorino. É a 13 de Abril, às 21h30, sendo um espetáculo que surge inserido no programa das comemorações do 45.º aniversário do 25 de Abril.

Em palco com Vitorino estarão ainda Rui Alves (percussão, bateria, voz), Carlos Salomé (guitarra, adufe, voz), Sérgio Costa (piano, flauta), Ioannes Krieger (trompete, fliscorne) e Paulo Jorge (baixo).

Nascido no Redondo, no seio de uma família de músicos, Vitorino é o terceiro de cinco filhos. Tornou-se amigo de Zeca Afonso quando era recruta. Gravou com Zeca Afonso e Fausto e em 1975, estreou-se a gravar um disco, tendo, desde então, gravado 23 álbuns.

Ao longo da carreira, Vitorino atravessou distintas fases e abraçou diferentes estilos de música, do cante alentejano ao fado de Coimbra, mantendo sempre uma dinâmica própria enquanto artista multifacetado.

Comentários

- Pub -