Saberes e Sabores traz quinze nacionalidades a Corroios

38
visualizações

Gastronomia, tradições culturais e lúdicas fazem a 12.ª edição do Encontro Intercultural Saberes e Sabores. Um evento que atravessa fronteiras e que este ano traz um sabor solidário

 

- Pub -

 

O Pavilhão Municipal do Alto do Moinho, em Corroios, recebe hoje a 12.ª edição do Encontro Intercultural Saberes e Sabores. Até domingo estão representados 15 países: Portugal, Angola, Moçambique, Peru, Palestina, Rússia, Cuba, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Síria, Indonésia, Brasil, Índia, Guiné-Bissau e Venezuela.

O programa integra diversas atividades lúdicas e culturais, entre as quais noites temáticas com gastronomia do mundo e espetáculos interculturais. Durante os jantares e almoços temáticos “será possível degustar sabores de Angola, Indonésia, Brasil, Moçambique, Guiné-Bissau, Angola, Cuba, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Síria ou Venezuela”, sugere a organização a título de exemplo.

Também as tertúlias literárias, as exposições e a venda de artesanato fazem desta iniciativa “um ponto de encontro marcante entre participantes e visitantes”.

No sábado terá lugar um colóquio intitulado o Desporto e a Paz no âmbito do Dia Internacional do Desporto ao Serviço do Desenvolvimento e da Paz.

“Este encontro é uma troca de experiências e legados culturais, na qual todos partilham um pouco do que os seus locais de origem têm de mais tradicional, em genuínos momentos de interculturalidade que contam com a participação de países de várias latitudes geográficas”, comenta a autarquia em nota de imprensa.

Acrescenta a mesma nota que o Saberes e Sabores “é também um evento solidário”. Este ano, “quem beber um café com aroma solidário estará a apoiar a Associação Nacional de Cuidadores Informais, sediada em Amora”.

O Encontro Intercultural Saberes e Sabores é organizado pela Câmara Municipal do Seixal, Junta de Freguesia de Corroios e pelo Centro Cultural e Recreativo do Alto do Moinho e tem o apoio de embaixadas, associações de imigrantes, parceiros do PactoTerritorial para o Diálogo Intercultural do Seixal e de organizações não governamentais.

 

 

No concelho residem 7 442 pessoas de nacionalidade estrangeira

Segundo o Estudo de Diagnóstico da População Migrante do Seixal (EDPMS), residem no concelho 7 442 pessoas de nacionalidade estrangeira, sendo 55 por cento do sexo feminino e 45 por cento do sexo masculino.

Numa população de 158 269 habitantes, de acordo com os Censos de 2011, a população não nacional corresponde a 4,7 por cento.

O Seixal é também um concelho em que se encontram 87 nacionalidades, sendo aquelas com mais expressão a cabo-verdiana, brasileira, são-tomense, angolana e guineense (da Guiné-Bissau).

Comentários

- Pub -