Amora vence Praiense e reentra na luta pelo segundo lugar

48
visualizações

A 28.ª jornada do Campeonato de Portugal previa-se muito difícil para as equipas da região porque tinham pela frente os três primeiros classificados mas acabou por ser positiva porque uma delas ganhou [o Amora] e as outras duas empataram [Olímpico e Pinhalnovense].

- Pub -

A vitória foi alcançada pelo Amora no jogo que disputou no Estádio da Medideira com o Praiense, líder destacado da Série D. O jogo era aguardado com grande expectativa por parte do Amora e também por parte dos seus adeptos que compareceram em grande número para assistirem ao encontro e para colaborarem também na acção solidária levada a efeito pelo clube a favor das vítimas de Moçambique.

Um golo marcado em cada parte, ambos de grande penalidade, carimbaram uma vitória que assenta na perfeição à equipa orientada por Pedro Russiano que se conseguiu superiorizar à equipa açoriana que terminou o jogo com nove elementos, devido à expulsão de dois jogadores na altura da marcação da segunda grande penalidade, aos 90 minutos.

Joca aos 25 minutos e Fidalgo, já para além dos 90, foram os marcadores dos golos que deram a vitória à equipa da Medideira que subiu ao quarto lugar da tabela classificativa com 50 pontos, menos cinco que o Real e menos sete que o Oriental, mas também com menos um jogo realizado.

Quer isto dizer que a esperança de lutar por uma eventual ida ao play off continua a ser uma realidade. O jogo do próximo domingo em Marvila, com o Oriental, poderá ser decisivo.

Olímpico impõe nulo em Massamá

Resultado positivo foi alcançado também pelo Olímpico do Montijo que foi arrancar um ponto a casa de um dos candidatos ao segundo lugar, o Real Massamá, que tinha e continua a ter um registo fabuloso na condição de visitado.

De facto, a equipa de Massamá, que nos 13 jogos realizados em casa tinha obtido 10 vitórias e três empates, o melhor que conseguiu nesta partida com o Olímpico foi precisamente mais um empate.

A equipa bem tentou chegar à vitória mas a estratégia planeada por David Martins resultou em pleno fruto da atitude e da entrega dos seus jogadores que interpretaram à risca aquilo que foi indicado pelo seu treinador. Com isto não queremos dizer que a equipa montijense se tenha remetido a jogar à defesa, nada disso. Também teve as suas acções ofensivas e algumas oportunidades para marcar. Não conseguiu é certo, mas conquistou um ponto num campo onde muito poucos conseguiram pontuar. Estão naturalmente de parabéns os pupilos de David Martins que na próxima jornada recebem o Pinhalnovense.

Pinhalnovense empata com Oriental

Empatado terminou também o jogo realizado no Campo Santos Jorge entre o Pinhalnovense e o Oriental, uma das boas equipas do campeonato e actual segundo classificado, que se encontra invencível agora há 13 jornadas seguidas.

O jogo até começou bem para a equipa de Pinhal Novo que se colocou em vantagem com um golo marcado por Diogo Tavares quando estavam decorridos 33 minutos e foi exactamente este golo que prevaleceu até ao intervalo.

Não satisfeito com o desenrolar da partida o Oriental entrou na segunda parte disposto a alterar o rumo dos acontecimentos e acabou por chegar ao golo da igualdade quando estavam decorridos 57 minutos, por intermédio de Márcio Augusto.

O jogo continuou com ambas as equipas à procura do golo da vitória mas nenhuma delas conseguiu apesar de terem tido algumas oportunidades para isso.

Na próxima jornada o Pinhalnovense desloca-se ao Montijo e o Oriental recebe o Amora.

Comentários

- Pub -