Entre o segundo e o sexto classificado há apenas três pontos de diferença

16
visualizações

O Campeonato Distrital da 1.ª Divisão, que já entrou no último terço, está na sua fase derradeira e embora o primeiro lugar pareça estar já atribuído ainda há muita coisa por decidir. Estamos a falar da equipa a despromover e da atribuição do 2.º lugar que dá acesso directo à primeira eliminatória da Taça de Portugal, da próxima época.

- Pub -

 

Entre o segundo e o sexto lugar existe uma diferença de apenas três pontos facto que demonstra bem a luta que existe entre o Sesimbra (41), Barreirense (40’), Alcochetense e Vasco da Gama (39) e U. Santiago (38).

 

Quatro destas equipas jogam fora de casa contra adversários que podem colocar algumas dificuldades mas a que joga em casa também não vai ter tarefa fácil, senão vejamos:

 

O Sesimbra, que no passado domingo perdeu em casa, desloca-se a Palmela para defrontar uma equipa que ultimamente tem vindo a alcançar bons resultados; o Alcochetense que vem de uma vitória sobre o C. Piedade B vai à Moita para um clássico sempre de prognóstico reservado; o V. Gama que nos dois últimos jogos venceu o Fabril e o Sesimbra joga em Alfarim contra uma equipa que gosta de praticar bom futebol; o U. Santiago desloca-se ao Monte de Caparica para defrontar o C. Piedade B e o Barreirense, que é o único do grupo a jogar em casa, vai encontrar pela frente um dos adversários mais fortes do campeonato.

 

Na fuga à despromoção ganha relevo a recepção do Banheirense ao Beira Mar de Almada.

 

Jogos da 22.ª jornada: Moitense – Alcochetense; Banheirense – Beira Mar de Almada; Palmelense – Sesimbra; C. Piedade B – U. Santiago; Barreirense – Oriental Dragon; Alfarim – Vasco da Gama; FC Setúbal – Fabril; Charneca de Caparica – Grandolense.

Comentários

- Pub -