Câmara saúda êxitos de produtores vinícolas

26
visualizações

Casa Ermelinda Freitas e Adega Cooperativa de Palmela reconhecidas

 

- Pub -

O reconhecimento internacional e nacional alcançado pela qualidade dos vinhos da Casa Ermelinda Freitas e da Adega Cooperativa de Palmela mereceu a aprovação, por unanimidade, de três votos de saudação da Câmara Municipal, na reunião pública do executivo realizada na última quarta-feira na Biblioteca Municipal.

A Casa Ermelinda Freitas foi saudada por ter sido premiada pela revista mexicana El Conocedor – com uma medalha de ouro alcançada pelo néctar Dona Ermelinda Reserva 2014 (91 pontos) e duas de prata pelos Syrah 2017 (88 pontos) e Dona Ermelinda Tinto 2015 (88 pontos) –, e ainda por ter arrebatado o Prémio Nacional Agricultura 2018 na categoria Empresas.

“A revista mexicana El Conocedor é a publicação que está indubitavelmente em voga no segmento de vinhos e gastronomia, do quinto maior país das Américas. Concebido por uma equipa de especialistas, com base nos resultados das análises químicas e provas de degustação, garante que a escolha dos consumidores é feita com base em informação exigente e autónoma, tendo a Casa Ermelinda de Freitas granjeado 3 medalhas, contribuindo para a dignificação da sua marca e dos bons vinhos desta região”, pode ler-se no primeiro dos dois votos de saudação dirigidos à Casa ermelinda Freitas. Na saudação pelo prémio Agricultura 2018, a autarquia destacou todos os gestores e trabalhadores da produtora pela distinção conseguida, reconhecendo “o excelente trabalho desenvolvido pela empresa”.

Já a Adega Cooperativa de Palmela foi saudada, juntamente ainda com a Casa Ermelinda Freitas, pelo êxito alcançado na competição “50 Great Sparkling Wines of the World”, da Wine Pleasures, que premeia os melhores espumantes de cada ano.

“Dos 157 vinhos espumantes inscritos, de diversos terroirs e países, nesta prestigiada listagem dos 50 Melhores Espumantes do Mundo de 2019, foram distinguidos vinhos de adegas do Concelho de Palmela com: medalha de ouro para o Espumante Adega de Palmela Meio Seco, 97 pontos; e medalha de prata para o Espumante Casa Ermelinda Freitas Bruto Branco, 92 pontos, e para o Espumante Adega de Palmela Meio Seco e Bruto, 91 pontos”, justificou a autarquia, realçando que os galardões contribuíram para divulgar e valorizar a região vinícola de Palmela no plano internacional.

Comentários

- Pub -