Mourinho condenado a pena suspensa e a pagar 3,2 milhões

65
visualizações

Treinador sadino aceitou a sentença da justiça espanhola no caso em que é acusado de fuga ao fisco

 

- Pub -

José Mourinho aceitou a sentença da justiça espanhola que o condena a um ano de prisão, com pena suspensa, e ao pagamento de 3,2 milhões de euros ao fisco espanhol, avançou hoje o jornal El Mundo.

Segundo o diário espanhol, o treinador sadino não terá de cumprir pena de prisão uma vez que não tem antecedentes criminais.

O fisco espanhol acusa José Mourinho de fuga ao pagamento de impostos, relativos a rendimentos de direitos de imagem, por ter usado duas empresas sediadas nas Ilhas Virgens Britânicas e na Irlanda, para fazer esses negócios.

Estes processos são da altura em que o treinador setubalense esteve no Real Madrid, entre 2011 e 2013. O contrato com as empresas referidas é bastante anterior, tendo sido assinado por José Mourinho em 2004.

 

Comentários

- Pub -