2,5 toneladas de cocaína descarregadas no Porto de Setúbal [galeria de fotos]

1124
visualizações

Um suposto grupo organizado tentava introduzir cocaína em vários países europeus, o plano foi descoberto e a Polícia Judiciária, Marina e Força Aérea montaram uma mega operação que acabou com a apreensão da droga, do navio e 11 suspeitos.

- Pub -

 

 

Uma operação conjunta entre a Polícia Judiciária (PJ), Marinha Portuguesa e Força Aérea desmantelou uma mega operação de tráfico de estupefacientes que teria como destino países europeus e, alegadamente, organizada por um grupo já com experiência neste tipo de crime.

O rebocador de alto-mar SeaScan 1, com matrícula no Panamá, aportou a Setúbal com 2,5 toneladas de cocaína depois de ter sido seguido pela Força Aérea durante 3 dias, tendo sido detectado a 1400 quilómetros a sudoeste dos Açores.

A operação planeada pela Unidade Nacional da Polícia Judiciária envolveu também 134 militares da Marinha que, apoiados pela corveta João Robi e o patrulha oceânico Viana do Castelo detectou em alto-mar o navio que transportava a droga a mais de 300 quilómetros do Cabo de S. Vicente, a Sudoeste.

O SeaScan 1 que transportava a droga desde a América Latina até à linha marítima da Europa, foi abordado por dois semi rígidos, tendo sido tomado por uma equipa da Judiciária.

Para além da droga, do navio e vário equipamento para comunicações, foram detidos onze indivíduos de várias nacionalidades europeias, nenhum deles português.

 

Com Ana Martins Ventura

Fotos: Alex Gaspar

Comentários

- Pub -