Quinta do Conde ganha parque canino

114
visualizações

Novo espaço ocupa uma área de 800 metros quadrados, representou investimento de 10 mil euros e apresenta vários equipamentos de recreio e treino para os patudos

 

- Pub -

Nasceu de um compromisso eleitoral da Junta de Freguesia da Quinta do Conde, ao qual se associou a Câmara Municipal de Sesimbra, e foi inaugurado na manhã do último domingo, com a ocasião a contar com a participação de dois binómios do Núcleo Cinotécnico do Corpo de Fuzileiros da Marinha. Trata-se do Parque Canino da Quinta do Conde, primeiro equipamento do género no concelho, que ocupa uma área de 800 metros quadrados junto ao polidesportivo da Boa Água e que apresenta vários apetrechos de recreio para aqueles que são considerados os melhores amigos do homem – os cães.

Na Quinta do Conde, os fiéis amigos patudos já têm agora todas e mais algumas condições para poderem brincar juntamente com os donos, depois de concretizado o investimento de 10 mil euros no local mais indicado, conforme sustenta o presidente da Junta de Freguesia, Vítor Antunes. “Este terreno estava livre, próximo de outros equipamentos e de zonas residenciais. Tudo sugeria a sua construção neste local”, defendeu o autarca, citado na página oficial da Câmara Municipal na Internet.

Anteriormente, a O SETUBALENSE – DIÁRIO DA REGIÃO, já Vítor Antunes havia vincado que o Parque Canino “constitui uma resposta aos muitos detentores de animais que desde há algum tempo o vinham sugerindo à Junta de Freguesia”.

O novo equipamento insere-se, porém, numa estratégia mais abrangente, segundo o presidente da Câmara, que lembrou o desafio lançado pela Junta da Quinta do Conde. “Este parque foi um compromisso eleitoral assumido pela Junta de Freguesia, ao qual a Câmara Municipal também se associou, e insere-se num plano mais abrangente de criação de condições com vista ao bem-estar animal, de que são exemplos a construção do novo Centro de Recolha Oficial de Animais de Estimação, que se deverá iniciar brevemente, e o lançamento de uma campanha de adopção entre a Câmara Municipal e as juntas de freguesia, que pode levar à isenção de taxas para quem adoptar um animal”, afirmou Francisco Jesus, também citado no site do município. Os dois autarcas, de resto, apelaram a uma utilização responsável do novo espaço que é de todos.

 

Pista de obstáculos facilita treino dos animais

 

Uma demonstração de detecção de explosivos e estupefacientes por parte das duas equipas cinotécnicas do Corpo de Fuzileiros animou os presentes na cerimónia de inauguração do parque canino. Mas houve ainda uma explicação do objectivo da pista de obstáculos existente no equipamento, que, de acordo com Pedro Ferreira, treinador de cães que colaborou no projecto, “está disposta de forma a facilitar o treino dos animais”.

O Parque Canino da Quinta do Conde contempla um conjunto de equipamentos, como um túnel, pontes e barras de salto. À entrada existem “sacos para recolha de dejectos caninos, importante para a higiene” do espaço e, no exterior, “duas mesas de piquenique com bancos, que funcionam como uma zona de descanso e convívio entre os utilizadores”, lembra a Câmara Municipal.

As condições do novo espaço ganhou rapidamente fãs, caso de Diogo Ferreira que foi dos primeiros a estrear o parque na companhia de Ozzy, seu fiel amigo, já depois da cerimónia de inauguração. “Fazia falta um local como este, para treinarmos e brincarmos com os nossos cães. Está bem localizado e tem vários equipamentos. Vou aproveitá-lo sempre que possa. Foi mesmo uma grande ideia”, frisou o utilizador, também citado pela autarquia.

O novo equipamento público vai poder ser utilizado de forma gratuita todos os dias.

Comentários

- Pub -