Aldeias de Gatos nascem no Pinhal Novo, Cabanas e Quinta da Asseca

538
visualizações

A Câmara de Palmela está a criar instalações para garantir o bem-estar de felinos abandonados 

 

- Pub -

Os gatos abandonados passam a ter abrigos em Pinhal Novo, Cabanas e Quinta da Asseca, criados pela Câmara Municipal de Palmela de forma a garantir o bem estar dos felinos, que vivem em zonas urbanas.

A vereadora Fernanda Pesinho explica que a iniciativa “faz parte do plano de mandato e depois da esterilização e desparasitação, instalámos abrigos para acolher os gatos abandonados”. A autarca adianta “contamos com a ajuda de cuidadores, que lhes dão comer e fazem a limpeza dos espaços”.

Fernanda Pesinho revela “trata-se do projecto Animais na Comunidade, que passam a ter locais, as Aldeias dos Gatos, onde usufruem de todas as condições para enfrentarem o frio e a chuva”, que “foi muito bem recebido pelos moradores, que já alimentavam os felinos”.

Na Aldeia dos Gatos de Pinhal Novo, junto à ciclovia, existe uma colónia com mais de três dezenas de felinos, que são acarinhados pela população.

Os gatos deixam de estar entregues à sua sorte, muitas vezes eram acossados pelos cães, e a casota de madeira tem uma cerca, dá-lhes todas as condições de segurança. Os equipamentos já se encontram instalados no Pinhal Novo, Cabanas e Quinta da Asseca e servem mais de uma centena de gatos.

A vereadora garante “iremos continuar com o projecto em outras zonas do concelho onde existam colónias de gatos”.

Comentários

- Pub -