Vitória atingiu ontem a marca dos 10.000 sócios

29
visualizações

Os funcionários dos serviços administrativos do Vitória FC viviam ontem um final de manhã igual a tantos outros até ao momento em que João Gomes, de 71 anos, deu entrada nas instalações do Estádio do Bonfim para se fazer sócio do clube. Ao introduzirem os dados no sistema informático, chegou-se à conclusão de que estavam, naquele momento, perante o sócio número 10.000.

- Pub -

Natural do Fundão, no distrito de Castelo Branco, o associado número 10.000 do emblema setubalense reside na cidade do Sado há apenas seis meses e decidiu agora, incentivado pelo filho, filiar-se no Vitória. “Sempre simpatizei com este clube. Nunca me fiz sócio porque estava muito distante, mas ao vir residir aqui para perto da cidade entendi que tinha chegado o momento de satisfazer algo que desejava já há alguns anos”, explicou.

Em declarações publicadas na página oficial do Vitória, o beirão João Gomes assegurou que estará sempre que tal seja possível presente para apoiar o clube. “Sou natural do Fundão onde vivi praticamente toda a minha vida. Mas há cerca de seis meses vim morar para Setúbal e uma das minhas pretensões era tornar-me sócio deste enorme clube, por essa razão, aqui estou de alma e coração”.

Consciente da importância de haver cada vez mais pessoas a apoiar o principal símbolo da região, o sócio número 10.000 fez questão de lançar um repto para que cada vez mais pessoas se filiem no Vitória. “Venham o quanto antes, independentemente da idade que tenham. Nunca é tarde para se fazerem sócios deste grande clube”, disse João Gomes depois de preencher a proposta de sócio, receber o respectivo cartão de associado e pousar para a posteridade.

Número de sócios aumentou de 8.008 para 10.000 em 16 meses

Ao atingir a marca dos 10.000 sócios, o Vitória conseguiu, no espaço de um ano e quatro meses (16 meses), aumentar em quase 2.000 o número de associados do clube. Recorde-se que a 15 de Julho de 2017, dia em que ficou concluído o processo de renumeração, o clube anunciou que tinha na altura 8.008 sócios efectivos.
Para perceber melhor a evolução dos números, refira-se que dos dois mil associados angariados em 16 meses, 568 filiaram-se nos primeiros quatro meses, ou seja, até 20 de Novembro de 2017, numa altura em que o clube ainda era presidido por Fernando Oliveira. Já com o Vitória sob a direcção do actual líder Vítor Hugo Valente, o clube tinha anunciado, em Abril de 2018, nas redes sociais, que a marca dos 9.000 tinha sido ultrapassada.

Depois de atingir ontem a marca dos 10.000 sócios, os responsáveis do clube querem ir mais além. Por essa razão, o Vitória prepara a campanha de angariação de novos sócios, que irá arrancar nos próximos dias com o lema “Tradição e futuro”. Tal como já tinha sido traçado em Abril de 2018, o objectivo passa por fazer um reforço de campanhas de proximidade junto da população para atrair aqueles que ainda não se filiaram.

AG desta noite decide auditoria e orçamento

Depois de terem a 25 de Outrubro aprovado a os relatórios e contas de 2015, 2016 e 2017, os sócios do Vitória FC regressam hoje, pelas 21:00 horas, ao Pavilhão Antoine Velge para participarem em nova Assembleia Geral. Os primeiros dois pontos da ordem de trabalhos prevêm a “discussão e votação da realização de auditoria (ponto um) e discussão e votação do orçamento de receitas e despesas para 2019 elaborado pela direcção” (ponto dois).

O ponto três da convocatória, assinada pelo presidente da mesa da Assembleia Geral (AG), Fernando Cardoso Ferreira, e publicada na edição de ontem de ‘O Setubalense – Diário da Região’, prevê ainda a abordagem de “assuntos não contidos na ordem de trabalhos”, lê-se no documento que informa que, caso não estejam “presentes a maioria absoluta dos sócios com direito a voto a assembleia terá início meia hora depois”.

Três ‘baixas’ para a Madeira

Depois da folga do dia anterior, o plantel profissional de futebol começou ontem, em Tróia, a preparar o jogo de sábado, 15:30 horas, no reduto do Marítimo, a contar para a 11.ª jornada do campeonato da I Liga. À excepção dos lesionados André Sousa, Alex Freitas e Berto, o treinador Lito Vidigal tem todo o plantel apto para o duelo com os madeirenses, que anunciaram ontem a contratação de Petit como sucessor de Cláudio Braga no comando técnico.

Comentários

- Pub -