Lançamento de novo concurso aumenta valor da empreitada

30
visualizações

O concurso para a requalificação da Escola das Cabanas, na freguesia de Quinta do Anjo ficou deserto e a autarquia teve que aumentar o valor base de 340 mil euros e para 475 mil euros

 

- Pub -

O concurso para a empreitada de requalificação da Escola das Cabanas no montante de 340 mil euros ficou deserto e a autarquia de Palmela teve que aumentar o valor base para 475 mil euros.

O presidente da Câmara de Palmela, Álvaro Amaro, explicou que
“está a acontecer um fenómeno sentido a nível nacional que resulta, por um lado, do encerramento de milhares de empresas durante o período da crise e, por outro, do aumento da procura, o que fez disparar os preços”.

A adjudicação  inicial em 2017 foi alvo de diversos incumprimentos por parte da empresa, que levou à rescisão do contrato por parte da autarquia. As obras da escola, neste novo contrato incluem trabalhos de qualificação do logradouro e a reorganização das diferentes áreas funcionais do edifício, com a criação de uma sala polivalente para a prática de actividades físico-motoras, biblioteca e refeitório, espaços para pessoal docente e auxiliar e instalações sanitárias diferenciadas.

A requalificação da Escola de Cabanas é comparticipada pelo FEDER, no âmbito do PORLisboa 2020 – PDCT-AML (Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial da Área Metropolitana de Lisboa. Prioridade de Investimento 10.5 – Investimentos na Educação).

Os alunos que frequentavam o estabelecimento de ensino foram deslocalizados para o Colégio Guimarães, localizado a dois quilómetros, para que as aulas continuem a decorrer dentro de toda a normalidade.

Fátima Brinca

Comentários

- Pub -