Universidade Sénior é exemplo de política bem sucedida

53
visualizações

Nuno Canta, presidente da Câmara, falou de estratégia de aprofundamento da democracia, promoção da igualdade de oportunidades e combate à exclusão social

 

- Pub -

A Universidade Sénior comemorou 12 anos de existência na passada terça-feira e é tida, pelo presidente da Câmara do Montijo, como um dos exemplos bem sucedidos da política de envelhecimento activo desenvolvida pelo município.

“A Universidade Sénior no Montijo e a educação ao longo da vida é para nós uma estratégia de aprofundamento da democracia, de promoção da igualdade de oportunidades, do combate à exclusão social e fomento do desenvolvimento do nosso concelho. É uma honra para o Montijo poder contar com a vossa participação activa neste projecto”, disse Nuno Canta, durante a festa de aniversário que decorreu na Sala Multiusos da Quinta do Saldanha. O autarca sublinhava, assim, a importância da aprendizagem ao longo da vida e das políticas públicas que contribuem para o enriquecimento pessoal dos cidadãos, para a sua educação, formação e para a participação cívica, ao mesmo tempo que realçava a estratégia de envelhecimento activo colocada em prática pela Câmara desde 1998.

Antes, a abrir as comemorações, já a aluna mais antiga da Universidade Sénior, Natividade Guarda, havia enaltecido os conhecimentos adquiridos na instituição e a importância desta no seu desenvolvimento pessoal.

José Francisco dos Santos, recentemente empossado reitor da Universidade Sénior, também focou os objectivos da instituição –  “Manter a população sénior activa, física e intelectualmente, desenvolvendo as competências pessoais de quem integra esta universidade”, apontou –, numa sessão comemorativa que contou ainda com três momentos protagonizados por alunos e professores através das actuações do Grupo de Teatro Sem Limites, do Grupo Quinteto do Improviso e de uma demonstração de danças de salão.

A Universidade Sénior do Montijo conta este ano com cerca de 180 alunos inscritos, registando um crescimento do número de alunos e professores voluntários e em disciplinas e actividades extracurriculares, como ateliers, seminários, aulas abertas, visitas de estudo e, ainda, grupos de natureza cultural e artística.

Comentários

- Pub -