Vitória do Olímpico em Loulé coloca equipa do Montijo no primeiro lugar da Série D do Campeonato de Portugal

40
visualizações

A equipa orientada por David Martins tem agora um ponto de vantagem sobre o Amora e Oriental que seguem na segunda posição

 

- Pub -

O Olímpico do Montijo com a vitória alcançada no Estádio Algarve sobre o Louletano ascendeu ao primeiro lugar da tabela classificativa aproveitando assim da melhor forma a derrota do Praiense no Pinhal Novo (2-0) e o empate consentido pelo Amora no Estádio da Medideira frente ao Sacavenense (3-3).

Depois de uma primeira parte que terminou com o resultado em branco, o Olímpico do Montijo chegou à vitória já no decorrer do segundo tempo, à entrada para o último quarto de hora do encontro, com um golo marcado por Cami.

A equipa de Loulé, que está a fazer um campeonato abaixo das suas expectativas e que recentemente mudou de treinador, bem tentou minimizar a situação mas a equipa montijense que levava a lição bem estudada e uma estratégia bem definida conseguiu segurar a preciosa vantagem que garantiram a conquista dos três pontos e a consequente subida ao topo da classificação geral, uma posição de relevo se tivermos em conta os problemas que têm existido neste início de temporada.

Pinhalnovense vence Praiense

Excelente foi também a vitória alcançada pelo Pinhalnovense sobre o Praiense que seguia a par do Amora na frente da tabela classificativa. A equipa do Pinhal Novo, agora sob orientação de Luís Manuel, somou a segunda vitória consecutiva e com ela subiu mais uns lugares na tabela classificativa onde se encontra agora em 11.º lugar com 14 pontos.

A equipa açoriana, que se apresenta com algumas aspirações no campeonato, vinha com intenções de obter um resultado positivo mas encontrou pela frente um adversário determinado, forte e empenhado, que não lhe deu qualquer hipótese de alcançar o seu objectivo.

A vitória da equipa de Pinhal Novo, que lhe assenta na perfeição, foi conquistada com golos marcados por Martim Águas aos 56 e Diego Zaporo aos 81minutos.

Amora consente empate na Medideira   

Emoção e golos foi coisa que não faltou no Estádio da Medideira onde o Amora não conseguiu melhor que um empate no jogo que disputou com o Sacavenense.

Na primeira parte o Amora conseguiu impor o seu jogo, teve mais posse de bola, foi bastante agressivo no aspecto ofensivo e saiu para o intervalo a ganhar por 2-0 com golos marcados por Fidalgo (20’) e Bertrande (32’).

Na segunda parte as coisas foram completamente diferentes. O Amora ficou reduzido a 10 unidades, por expulsão de Adérito, aos 50 minutos, e a partir daí tudo mudou. A equipa baixou as linhas, o adversário começou a acreditar e conseguiu chegar à igualdade com golos marcados aos 73 e 84 minutos.

O recém-entrado Eva Nga, aos 90 minutos, colocou o Amora de novo na frente do marcador e, quando se pensava que a vitória estava assegurada, Laquinta, que marcou todos os golos da sua equipa, conseguiu o empate para o Sacavenense, já em período de compensação (90+2’).

Comentários

- Pub -