Beldades da região disputam título de Rainha das Vindimas Portugal 2018

578
visualizações

Eleição decorre amanhã no Pavilhão Municipal de Alenquer. Concorrente ‘montijense’ terá a companhia da representante do município de Palmela na luta pela coroação. A primeira apresenta-se como Miss Capital da Flor 2018; a segunda como Rainha das Vindimas de Palmela 2017.

Natataliya Fedorchuk defende Montijo com paixão pela moda

Nataliya Fedorchuk
- Pub -

Nasceu há 20 anos em Zalishchyky, Ucrânia, e mudou-se com a mãe para Portugal quando completou cinco Primaveras. Escolheram, então, para residir “o lugar mais parecido” com a terra natal, deixando para trás “uma cidade linda, com paisagem magnífica e rodeada de água”, descreve Nataliya Fedorchuk. “Montijo foi a cidade que nos acolheu”, adianta a jovem, que, na sequência de ter sido eleita Miss Capital da Flor 2018, irá disputar o título de Rainha das Vindimas de Portugal 2018, em representação do município montijense, na gala final que terá lugar já amanhã no Pavilhão Municipal de Alenquer.

“É uma honra poder representar o nosso município ao mais alto nível, nesta competição tão importante da Associação de Municípios Portugueses do Vinho e que tanta importância tem para a divulgação da actividade vitivinícola do concelho do Montijo”, disse a O SETUBALENSE – DIÁRIO DA REGIÃO a jovem estudante de Ciências Farmacêuticas, que se apaixonou pelo mundo da moda desde tenra idade.

“Desde criança que já ‘pousava’ para as fotos, imitava a forma de andar na passerelle das modelos que via na televisão. A partir dos 12 anos fiz alguns trabalhos relacionados com o mundo da moda; para os responsáveis pela sessão fotográfica era trabalho, mas para mim era lazer, era o momento em que podia ser eu própria”, confessa Nataliya Fedorchuk, que tem vindo a preparar há várias semanas a sua participação no concurso. Exemplo disso é a formação que tem estado a receber na Adega Cooperativa de Santo Isidro de Pegões, “para adquirir conhecimentos mais profundos na área da vitivinicultura”.

A gala final realiza-se a partir das 21h30 de amanhã no Pavilhão Municipal de Alenquer e vai contar com desfiles em traje tradicional, roupa casual e vestido de noite. A música será assegurada pelo sexteto de jazz Camaleão Band.

A participação da região de Setúbal no evento será dupla, já que o município de Palmela estará também representado com uma candidata (ver peça em baixo). MRS

Margarida Caetano representa Palmela e mostra-se confiante num bom resultado

Margarida Caetano

Margarida Caetano, Rainha das Vindimas de Palmela 2017, é a concorrente que vai representar a Câmara de Palmela, na Gala Nacional de Eleição da Rainha das Vindimas de Portugal 2018. A candidata de Palmela confessou a sua confiança na obtenção de um bom resultado, mas não deixa de revelar que “só o facto de participar num evento desta dimensão já é um momento de grande orgulho”, pois “quero contribuir para divulgar a minha terra e dar a conhecer as suas potencialidades históricas e culturais”.

A Rainha das Vindimas de Portugal é organizada pela Associação de Municípios Portugueses do Vinho (AMPV) em parceria com a Cidade do Vinho. Margarida Caetano irá participar na cerimónia com 14 candidatas, em representação do mesmo número de municípios associados da AMPV. As candidatas irão realizar três desfiles, em traje tradicional, roupa casual e vestido de noite para promoção da cultura e das tradições rurais, destaque para o vinho como papel de afirmação da identidade cultural e para a preservação da história e da memória colectiva. Palmela tem marcado presença ao longo de todas as dez edições.

A Rainha das Vindimas, Mariana Antunes, eleita este ano será a representante do município na Gala Nacional de 2019. Fátima Brinca

Comentários

- Pub -