Pastel de laranja e chocolate veio adoçar mais Setúbal

0
97
visualizações

Iguaria lançada pela Junta de São Sebastião e pela empresa ‘Doces Afectos’ homenageia história da freguesia. Chama-se ‘Bocagiano’ e já pode ser saboreado. Doce típico era ‘objectivo antigo’ da autarquia presidida por Nuno Costa

- Pub -

A mais recente criação da doçaria regional setubalense já pode ser degustada pelo púbico desde a passada quinta-feira, depois de ter sido lançada pela Junta de Freguesia de São Sebastião e pela empresa “Doces Afectos”, em cerimónia realizada no auditório Germano dos Santos Madeira. Este novo pastel de laranja e chocolate foi baptizado como “Bocagiano” e presta homenagem à história da freguesia de São Sebastião e ao poeta Manuel Maria Barbosa du Bocage, que nasceu no número 12 da rua Edmond Bartissol, em Setúbal.

O lançamento de um doce típico de S. Sebastião era um “objectivo antigo” do executivo da Junta de Freguesia. “Queríamos que este doce tivesse um pouco da nossa história e considerámos que a melhor forma de o fazer era homenagear o poeta que aqui nasceu: Bocage”, admitiu Nuno Costa, presidente da Junta de São Sebastião.

Segundo a autarquia local, “o apontamento do doce de laranja recorda as antigas laranjeiras que existiam espalhadas pela freguesia e o chocolate, sendo um ingrediente ‘universal’, representa um pouco da diversidade cultural da população deste território, onde residem muitas pessoas oriundas de África, continente onde o cacau existe em abundância”.

O novo doce, que nasceu da criatividade do mestre pasteleiro Domingos Cruz, está disponível até 5 de Agosto na Feira de Sant’Iago, no stand da empresa “Doces Afectos”. Pode também ser encontrado “no Moinho de Maré da Mourisca, na Casa da Baía e, eventualmente, em algumas pastelarias e colectividades da cidade”, acrescenta a Junta de Freguesia.

Apelativo e com brinde

O “Bocagiano” apresenta-se embalado de forma apelativa e com um brinde impresso: um poema do poeta de Elmano Sadino, que será substituído por um diferente a cada mil exemplares, revela a autarquia. “Julgo que vai ser um sucesso e contribuirá para o desenvolvimento da nossa gastronomia e para a divulgação da nossa freguesia”, considera o presidente Nuno Costa.

Domingos Cruz, profissional de pastelaria há mais de meio século, é o autor da nova iguaria que surge na sequência de um desafio lançado pelo executivo da Junta de Freguesia de São Sebastião há cerca de um ano. Durante a apresentação revelou alguns pormenores da confecção do novo pastel de laranja e chocolate.

Farinha, água, banha de porco, açúcar e sal são os ingredientes que compõem a massa que “tem que secar durante 24 horas, antes de ir ao forno”, para garantir que fica estaladiça, explicou o pasteleiro.

Comentários

- Pub -