Alunos da Faculdade de Arquitectura apresentam soluções urbanísticas para a frente ribeirinha

0
65
visualizações

Um grupo de alunos do 4.º ano da Faculdade de Arquitectura da Universidade de Lisboa apresentaram, na passada terça-feira, 17, um conjunto de estudos académicos a demonstrar várias soluções de urbanismo possíveis para o desenvolvimento da Frente Ribeirinha do Montijo.

- Pub -

A iniciativa, que decorreu nas instalações do Centro Paroquial, permitiu ainda aos alunos darem a conhecer propostas concretas para um centro cultural, congregando auditórios, zonas comerciais e piscinas ribeirinhas, bem como uma solução de habitação que propõe a reutilização de alguns edifícios industriais abandonados.

Os trabalhos apresentados foram realizados pelos alunos durante o ano lectivo 2017-2018, sendo que o processo teve inicio há dois anos na sequência de um desafio lançado pelo ex-vereador do PSD Pedro Vieira à Faculdade de Arquitectura, onde o social-democrata (que, recorde-se, preside à Comissão Política local do partido) foi aluno.

A apresentação e o debate contou com a participação do professor arquitecto Miguel Baptista-Bastos, que fez o enquadramento do âmbito académico dos estudos realizados. Seguiu-se um animado período de debate e participação com a população presente, tendo sido passada a ideia de que o território ribeirinho do Montijo “tem um grande potencial de desenvolvimento, com capacidade de se desenvolver por si próprio”, que pode resultar até mesmo sem aeroporto.

O arquitecto Pedro Vieira considerou que a apresentação dos resultados dos trabalhos realizados pelos alunos “permite ampliar o conhecimento e abre à sociedade o debate de ideias e soluções de urbanismo e arquitectura de qualidade para a cidade”.

Comentários

- Pub -