Setúbal discute Europa na Macedónia

0
30
visualizações

Maria das Dores Meira liderou comitiva sadina. Encontro, no âmbito do projecto “Future of Europe – Reload”, teve como temas centrais o eurocepticismo e o euro-optimismo

- Pub -

Com o intuito de potenciar a troca de impressões sobre a política de alargamento da União Europeia, uma delegação de Setúbal liderada pela presidente da Câmara, Maria das Dores Meira, participou, de 20 a 22 deste mês, num encontro realizado na Macedónia. A iniciativa teve lugar em Shtip, no referido país balcânico que está em vias de integrar a União Europeia.

Sobre a participação no evento, a autarquia lembra que “Setúbal é um dos sete municípios europeus que integram o ‘Future of Europe – Reload’, projecto financiado pela União Europeia que pretende desenvolver, entre 2018 e 2020, acções de reforço da identidade das populações enquanto cidadãos de uma Europa comunitária”.

O certame contou ainda, além dos anfitriões, com a participação dos restantes municípios que integram o projecto atrás referido, casos de Aksakovo, na Bulgária, Victoria, na Roménia, Montserrat, na Espanha, Ozarow Mazoviecki, na Polónia, e Nughedu Santa Vitória, na Itália. “O eurocepticismo e o euro-optimismo foram os eixos temáticos do encontro”, salienta a edilidade sadina, adiantando que a iniciativa “serviu para potenciar a troca de impressões sobre a política de alargamento da União Europeia, tendo assumido especial importância para os representantes de Shtip, uma vez que a Macedónia é um país candidato a integrar a comunidade europeia”.

O “Future of Europe – Reload” representa “a continuação natural de um outro projecto”, denominado “Europa no Futuro – Multifacetada e Unificada”, que foi desenvolvido entre 2015 e 2017 e que, além de Setúbal, integrou Nughedu Santa Vitória e Aksakovo, bem como a cidade espanhola Igualada, que não participa nesta nova edição.

“A versão actual ‘Reload’, um dos 15 projectos aprovados pela União Europeia de um total de mais de três centenas de candidaturas, prossegue em Outubro em Setúbal. O encontro na cidade portuguesa tem como tema principal ‘Porquê a Europa? A Europa aos olhos dos não europeus’, com o objectivo de focar questões relacionadas com o fenómeno da migração e na correcta integração de minorias étnicas e culturais nas sociedades em que são acolhidas e vivem”, revela a autarquia setubalense a concluir.

- Pub -

Queremos saber a sua opinião.