Santiagro despede-se da “melhor edição de sempre”

0
58
visualizações

A 31ª edição da Santiagro – Feira Agropecuária e do Cavalo de Santiago do Cacém chegou ao fim, após quatro dias intensos, onde não faltaram as actividades, os espectáculos, os concertos e o público que este ano cresceu e ultrapassou a barreira dos 40 mil visitantes.

- Pub -

Ainda sem dados referentes à última noite do certame, que contou com o espetáculo de Richie Campbell, o presidente da Câmara Municipal de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha, acredita que a edição de 2018 poderá ser a maior de sempre em afluência do público, ultrapassando as melhores expectativas.

Ontem [sábado] tivemos o melhor dia da feira em 31 anos e, na quinta-feira, tivemos o melhor primeiro dia da feira de todas as edições e por isso posso dizer que nos primeiros três dias alcançámos um resultado de visitantes que permitem dizer que vamos ultrapassar a barreira dos 40 mil visitantes e dizer que, no conjunto, será o melhor certame de sempre”, sublinhou o autarca num balanço da 31ª edição da Feira Agropecuária e do Cavalo.

Apesar do tempo instável, os visitantes não deixaram de marcar presença na feira e participar nas inúmeras atividades que se realizaram ao longo dos quatro dias e que, este ano, ultrapassaram a meia centena, desde showcookings, a workshops, concursos, espectáculos, provas equestres a passeios de ‘tuk tuk’.

Aquilo que eu oiço, daqueles expositores que vêm à feira há muitos anos, é que esta foi a melhor feira de sempre em termos de negócios”, destacou o edil referindo-se aos relatos das empresas representadas na Santiagro. “É muito bom ter aquela juventude à noite para ver o espetáculos mas mais importante é ver as pessoas que visitam a feira com o objetivo de fazer o negócio”, acrescentou.

É muito bom termos à noite todos os milhares de pessoas que vêm ver os espectáculos, mas eu diria que mais importante ainda é as pessoas que vêm à feira pela componente de negócio”, defendeu o autarca que ainda assim deposita grande parte do sucesso do certame à aposta que tem sido feita pela organização no cartaz musical.

Com duzentos expositores e um orçamento de 230 mil euros, o autarca reconhece que, ano após ano, são cada vez mais os empresários interessados em fazer negócio durante a Santiagro e isso poderá conduzir a um possível aumento do espaço da feira. “É algo que estamos a equacionar embora o recinto da feira esteja circundado por uma zona urbana. Agora é possível otimizar o espaço e deixá-lo mais arrumado de forma a garantir um aumento do número de expositores”, concluiu.

O certame que contou com os concertos dos Calema, Wet Bed Gang, Fernando Daniel e Richie Campbell, encerrou no passado domingo, dia 3 de junho.

- Pub -

Queremos a sua opinião!