Nuno Guerreiro preside ao júri das Marchas Populares de Setúbal

0
76
visualizações

Evento foi apresentado na Casa da Cultura. O músico e cantor, que reside na cidade há dois anos e meio, mostrou-se orgulhoso pelo convite que, admite, o assustou e deixa ‘um pouco nervoso’

 

- Pub -

Um dos maiores eventos sociais da cidade, o concurso das Marchas Populares de Setúbal, vai este ano ter como presidente do júri o músico e cantor Nuno Guerreiro, do Grupo Ala dos Namorados. O evento foi, esta segunda-feira, apresentado na Casa da Cultura, com o artista a revelar um misto de sentimentos.
Primeiro, ficou “assustado com o convite”, que aceitou “com grande prazer”, mas sem esconder estar “um pouco nervoso” com a responsabilidade, sobretudo se tiver decidir em caso de empate, admitiu o músico e cantor que ganhou notoriedade com o projecto Ala dos Namorados antes de se enveredar pela carreira a solo.
A escolha, a avaliar pelas palavras do vereador responsável pela pasta da cultura na autarquia sadina, Pedro Pina, não foi difícil. “[Nuno Guerreiro] Adotou recentemente Setúbal para viver, é uma referência nacional de enorme prestígio artístico, com um percurso e uma carreira que dispensam apresentações”, justificou o autarca, com o artista a vincar que se sente como ‘peixe na água’ a viver em Setúbal, onde já reside há dois anos e meio.
“Apaixonei-me pela cidade e tenho assistido à sua grande transformação”, revelou, realçando o particular entusiasmo pelas praias e pela serra.
Nuno Guerreiro vai assim presidir ao júri do concurso composto ainda por Ricardo Cristas, em cenografia, Diana Vieira, coreografia, Rita Melo, figurino, Ester Correia, letra, e António Laertes, música – conjunto que avaliará as sete colectividades a concurso em desfiles nos dias 15 e 16 de Junho, às 22h00, pagos, na Praça de Toiros Carlos Relvas. Antes, no dia 9, a partir das 21h30, as sete colectividades apresentam-se ao público em desfile na Avenida Luísa Todi, juntamente com outras cinco marchas extra-concurso. A entrada neste evento é gratuita.

Temas para todos os gostos

Este ano, o Núcleo dos Amigos do Bairro Santos Nicolau, com o tema “Venham aqui comprar e no Bairro Santos marchar”, e a Cooperativa de Habitação e Construção Bem-Vinda a Liberdade, com “Mercado do Livramento, a Cidade em Movimento”, são duas das colectividades que se apresentam a concurso, nas Marchas Populares de Setúbal 2018. A estas juntam-se também a União Desportiva e Recreativa das Pontes, que desfilará inspirada em “Tantas Partidas, Tantas Chegadas”, a Sociedade Musical Perpétua Azeitonense, que escolheu o tema “Amar o Mar”, o Grupo Desportivo Independente, que sairá à rua com “Rufam tambores e siga a marcha”, o Núcleo Bicross de Setúbal, este ano a desfilar com o tema “Vem deste rio a riqueza que ostentamos”, e o Grupo Desportivo Setubalense Os 13, que apresentará “Fama de Marinheiro dá namoro em noite de tradição”.
Todas estas sete colectividades, bem como a madrinha das madrinhas, que este ano é Sara Margarida, terão de cantar a Grande Marcha de Setúbal, intitulada “Setúbal, Terra de Vinhos”, com letra de Dina Barco e música de José Condinho.
“Este é um evento genuíno da cultura popular portuguesa”, destacou José Condinho, envolvido pelo terceiro ano consecutivo nas Marchas Populares de Setúbal e que, igualmente com Dina Barco, conseguiu uma “dobradinha”, ao vencer também o concurso para a Grande Marcha de Lisboa.
Os desfiles vão contar ainda com as participações especiais, extra-concurso, da marcha da APPACDM de Setúbal, com “Vamos celebrar a Natureza”, e da marcha infantil da União Desportiva e Recreativa das Pontes, que apresenta “As Maravilhas da Terra e do Mar ‘Bichinho do Rio e do Mar”, além das marchas infantis da Sociedade Filarmónica Perpétua Azeitonense, com tema inspirado em “Flores da Serra”, do Grupo Desportivo Independente, com “Rainha Sardinha, Rei Carapau”, e do Núcleo Bicross de Setúbal, com “Ora vejam lá… as crianças no arraial popular”.

Grande evento da cultura popular

Para o vereador Pedro Pina, as Marchas Populares de Setúbal “exaltam a cidade e constituem o grande evento da cultura popular setubalense, que dá mais brilho à Avenida Luída Todi e à Praça de Toiros Carlos Relvas”. O autarca perspectiva, assim, noites de “grande festa e de comunhão” entre participantes e público.
Os vinhos setubalenses serão celebrados na edição deste ano do certame organizado pela Câmara Municipal com os apoios da Europrol e da Aplaudir, “um tema particularmente interessante” que inspira o evento, uma “consagração daquilo que é mais tradicional em Setúbal”, destacou o autarca.
Pedro Pina salientou ainda que as Marchas Populares de Setúbal “têm tido a capacidade de se irem adaptando aos novos tempos”, mantendo “a mesma vitalidade, com muita gente jovem que se envolve na tradição, de forma empenhada”, o que “dá sentido” a esta grande festa.
As Marchas Populares de Setúbal começam no dia 9, às 21h30, com uma apresentação gratuita na Avenida Luísa Todi, a que se segue, nos dias 15 e 16, às 22h00, o concurso na Praça de Toiros Carlos Relvas. As entradas custam 2,5 euros para a geral, 3,5 para as cadeiras e 4 euros para os lugares de camarote. As crianças até 10 anos não pagam.
A apresentação do programa – que inclui, a 24 de Junho, pelas 17h00, no Fórum Municipal Luísa Todi, a cerimónia de entrega de prémios – culminou com a exibição de um vídeo com a música e letra da Grande Marcha “Setúbal, Terra de Vinhos”.

- Pub -

Queremos saber a sua opinião.