Terminal de Contentores terá novo Estudo de Impacto Ambiental em Julho

138
visualizações

Na última reunião da Assembleia Municipal do Barreiro, Rui Braga, vereador responsável pela área do Planeamento, revelou que no próximo mês de Julho será apresentado um novo Estudo de Impacto Ambiental, referente ao Terminal de Contentores.

- Pub -

“Em Julho estaremos em condições de ter um novo Estudo de Impacto Ambiental de consulta pública e estaremos em condições para que, desta vez, a Câmara Municipal do Barreiro consiga comentar favoravelmente o processo, principalmente no que diz respeito à localização do Terminal de Contentores”, disse.

O eleito do Partido Socialista afirmou que o terminal vai ficar onde todos querem e que o executivo municipal se encontra “estável” referente a este assunto.

“Como é do conhecimento de todos, aquilo que nos foi apresentado e que foi unanimemente contestado por todas as forças políticas, da direita à esquerda, é que o terminal de contentores poderia ficar a tapar aquilo que o Barreiro tem de melhor, que é a vista sobre Lisboa. É, certamente, a melhor vista desta margem do rio e está garantido que o terminal vai ficar onde todos queremos que fique. Irá ter impacto visual de certeza, mas ficará com a sua actividade mais chegada para o lado e isso é algo que nos une e portanto estamos estáveis”, salientou Rui Braga.

O vereador acrescentou, ainda, que a autarquia está a discutir com as Infra-estruturas de Portugal as acessibilidades em terra e aquilo que irá ser a mobilidade dos barreirenses, tanto o acesso da ferrovia, como da rodovia, revelando que estão a “chegar a bom porto”.

A empresa operadora que vier a tratar deste assunto, após concurso público, terá de ter sede no Barreiro, “para que aqui pague os seus impostos”.

“O terminal a ser efectivo, vai ficar cá para sempre. Vai ser preciso dinheiro para dar resposta ao que vão ser os impactos e também para o nosso desenvolvimento global”, concluiu o socialista.

Comentários

- Pub -