Associação ‘Tico e Teco’ vai apanhar gatos abandonados na Lisnave

0
127
visualizações

Empresa, associação e Câmara de Setúbal assinaram protocolo para controlo da sobrepopulação de gatos nos estaleiros navais de Mitrena

- Pub -

A sobrepopulação de gatos nos estaleiros navais da Lisnave, na Mitrena, em Setúbal vai ser controlado num esforço concertado entre a empresa, a Associação de luta e Prevenção Contra o Abandono Animal Tico e Teco, a Câmara Municipal de Setúbal e a Multipet, Industria e Comércio, Lda.

Através de um protocolo celebrado entre estas quatro entidades, os gatos existentes nos estaleiros vão ser capturados e esterilizados.

A autarquia, que aprovou o protocolo na quarta-feira, diz que a iniciativa resulta de uma preocupação manifestada pela Lisnave, que solicitou a colaboração do município para implementar um programa de controlo da população de felídeos.

O acordo estipula que a Lisnave paga uma verba de 150 euros à Tico & Teco para a compra de caixas de transportes que são depois entregues no Canil Municipal de Setúbal, bem como efectua o pagamento de 6510,40 euros acrescidos de IVA à Multipet, que procede à vedação antifuga, essencial para a segurança dos gatos.

 A Lisnave paga ainda à Tico & Teco um montante de 50 euros por cada gato transportado para as instalações da associação, onde é garantida esterilização, alimentação e prestação de cuidados de saúde aos animais.

Comentários

- Pub -