Nuno Canta confirma nova cadeia de 55 milhões em Canha

1
438
visualizações

O Governo vai mesmo avançar para a construção de um novo estabelecimento prisional no Montijo, na Herdade Gil Vaz, em Canha, confirmou o presidente da Câmara, Nuno Canta, ao DIÁRIO DA REGIÃO.

- Pub -

Segundo o autarca, o investimento estimado para a edificação do novo estabelecimento prisional ascende a “cerca de 55 milhões de euros”.

Recorde-se  que na reunião pública do executivo camarário do Montijo, realizada a 31 de Janeiro último, Nuno Canta já havia anunciado que uma das soluções para revitalizar a vila de Canha passava pela recuperação da Herdade Gil Vaz.

“A utilização e valorização da Herdade Gil Vaz permitiria a fixação de investimento público, criando emprego. É uma situação que está a ser trabalhada e nos próximos meses teremos aí o anúncio de como iremos tratar da herdade”, disse então Nuno Canta, reforçando: “A ideia é podermos utilizar essa herdade, que está entregue ao Ministério das Finanças, como serviço público. Não baixamos os braços, vamos continuar a lutar pela Herdade Gil Vaz que é fundamental para a revitalização de Canha.”

- Pub -

1 COMENTÁRIO

  1. É bom que se façam mais cadeias para “guardar” tanta preciosidade desonesta que anda à solta. Montijo está na moda e como vai ter um novo aeroporto, até esta unidade poderá servir para guardar vigaristas que venham do estrangeiro. Quem havia de dizer, que o espaço que foi parte de escola superior de agonomia, possa, devidamente adapatado, servir para guardar e sociabilizar indivíduos que erraram nas relações sociais. É a vidinha! É o progresso social!

Queremos saber a sua opinião.