Montijo espera por mais de 50 mil nos corsos carnavalescos

0
267
visualizações

Fernando Caria, presidente da Junta de Freguesia, assume expectativa e revela que o primeiro corso terá cobertura televisiva nacional. Cerca de dois mil figurantes vão acompanhar uma dezena de carros alegóricos ao longo de um percurso de 1,5 Km pelo centro da cidade

- Pub -

Montijo espera receber mais de 50 mil pessoas nos corsos de Carnaval a realizar no próximo domingo e na terça-feira seguinte. A expectativa foi revelada ao DIÁRIO DA REGIÃO pelo presidente da Junta da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro, Fernando Caria, que não deixa de salientar o mérito da responsabilidade da organização dos cortejos e decoração dos carros alegóricos caber por completo às colectividades do concelho.

“Temos a expectativa de, no mínimo, igualar os números registados no ano passado: segundo dados da Protecção Civil, no ano passado, 26 mil pessoas marcaram presença no primeiro dia (domingo) do corso e cerca de 27 mil no segundo dia (terça-feira). Este ano, se as condições climatéricas ajudarem, esperamos igualar ou ultrapassar esses números”, disse o autarca ao DIÁRIO DA REGIÃO.

Os desfiles, que vão percorrer um trajecto de 1,5 Km pelo centro da cidade, têm início pelas 15h00 e englobam “nove carros alegóricos mais um tuk tuk”, acompanhados por cerca de dois mil figurantes, provenientes de 36 associações do concelho. Um dos motivos que podem contribuir para despertar maior apetite junto das pessoas será a transmissão do cortejo logo no primeiro dia, considera Fernando Caria. “Temos o compromisso de a CMTV fazer a transmissão em directo no domingo, o que poderá ajudar a atrair mais pessoas para o desfile de terça-feira”, disse.

Quanto aos carros alegóricos, o autarca destaca a equipa composta por três elementos que está responsável pela criatividade artística. “Está muito bem entregue a Ricardo Contramestre, José Canana e ainda ao Pedro, que pertenceu à equipa que elaborou as figuras que deram corpo ao programa Contra-informação da RTP”, adiantou.

Já a Câmara Municipal salienta a originalidade das comemorações promovidas no concelho. “É, com orgulho, um Carnaval como nenhum outro na região, de feições populares, sem muita luxúria, mas com muita alegria e folia. Criado e mantido pelo povo, o nosso Carnaval é genuíno, espontâneo, livre, onde o espírito crítico, o lúdico e a sátira se associam à emoção e à folia, reavivadas ano após ano”, defende a edilidade em comunicado.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Noite Mágica e bailes tradicionais

Porém, as comemorações do Entrudo no Montijo não se resumem aos corsos – tradição recuperada o ano passado após cerca de duas décadas de interregno, com a particularidade de ser gratuito. A Câmara Municipal destaca “um pacote global de eventos de entretenimento”, que permitirá a folia durante os próximos quatros dias.

Assim, já amanhã, pelas 16h00, será dado o pontapé de saída na Praça da República, com a apresentação de Cegadas Populares pela Universidade Sénior e com o espectáculo Zumba Carnaval pelo Estúdio Zumba Areias. A partir das 21h30, haverá também “uma Noite Mágica a não perder”, realça a autarquia. “Numa performance de grande impacto, robots e bailarinas com os corpos pejados de led’s de diferentes cores vão trazer mais emoção ao Carnaval no Montijo. A este espetáculo irá juntar-se o Guitos Live Percussion e a participação especial de Bocage 2.0 (MC e DJ).”

Além destes eventos, de entrada livre, destaque ainda para os tradicionais Bailes de Carnaval que vão decorrer, amanhã e segunda-feira, em várias colectividades do concelho.

O Carnaval do Montijo é organizado pela Banda Democrática 2 de Janeiro, Sociedade Filarmónica 1.º de Dezembro, Motoclube do Montijo, Clube Desportivo Cultural e Recreativo “Os Unidos”, A Quadrada ACD e o Grupo “Os Comilões”, com o apoio da Câmara Municipal do Montijo e da Junta da União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro.

Comentários

- Pub -