Grupo Setúbal de Bicicleta incentiva Câmara a criar parques para bicicletas

Setúbal tem cada vez mais ciclovias, mas ainda há muito a fazer, defende o grupo. (Fotografia: Setúbal de Bicicleta/DR)
Local B Sociedade C

A criação de cerca de 100 estruturas de parqueamento para bicicletas é uma das propostas de um documento que o grupo Setúbal de Bicicleta vai entregar na autarquia e em juntas de freguesia, no final da Semana Europeia da Mobilidade, que assinala de 16 a 22 de Setembro. Tudo para ajudar a criar mais condições para o uso da bicicleta, que ainda só representa 0,1% das viagens feitas na cidade

 

 

O grupo Setúbal de Bicicleta vai entregar um documento de diagnóstico de problemas e propostas de solução sobre a rede de ciclovias da cidade nos departamentos de Urbanismo, Cultura, Juventude e Desporto da Câmara Municipal de Setúbal, em juntas de freguesia e também junto de atores políticos, no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade, que se assinala desde domingo, 16, até dia 22 de Setembro.

Com esta acção, os setubalenses António Carvalho e Rafael Lopes, que constituem informalmente o projeto, pretendem contribuir para o aumento da “taxa modal de utilização da bicicleta nas deslocações urbanas” e para a sensibilização da população para este meio de transporte “económico, eficiente, confortável, inclusivo, ecológico, promotor de uma vida activa e mais saudável e de uma economia local mais dinâmica”, lê-se em comunicado divulgado ao DIÁRIO DA REGIÃO.

“Os esforços da Câmara Municipal de Setúbal na construção de infra-estruturas facilitadoras dos modos de mobilidade suave (a pé, bicicleta) são louváveis, mas ainda muito aquém do compromisso necessário para promover uma mudança significativa de paradigma”, argumentam.

O grupo Setúbal de Bicicleta levou a cabo um levantamento dos principais obstáculos à circulação em bicicleta na cidade (documentando-os em fotografias) e propõe, no documento que será entregue previsivelmente no final desta semana, um conjunto de soluções, com enfoque nos parqueamentos.

O modelo de parqueamento proposto é o Sheffield (em formato de U invertido). Fotografia: Braga Ciclável/DR

O documento sugere a implementação de cerca de 100 parques em pontos “próximos e seguros” – distribuídos pelas freguesias União das Freguesias de Setúbal, São Sebastião, Sado e Azeitão –, os quais implicariam um investimento “largamente inferior ao custo de criação de lugares para automóvel”, assegurando “uma maior rotatividade” dos locais.

“Esta é uma proposta para libertar progressiva e significativamente o espaço público em favor de todos”, reforçam no comunicado, sustentando que “a área de um automóvel equivale à área ocupada por 10 bicicletas”. Este problema foi, de resto, um dos vários identificados no Plano de Mobilidade Sustentável e Transportes de Setúbal, encomendado pela Câmara Municipal e apresentado à cidade em Abril.

O estudo, elaborado pela consultora TIS.PT – Consultores em Transportes, Inovação e Sistemas, apontou também como prioridade a criação de parqueamentos de bicicletas e condições para os ciclistas (cacifos, pontos de água, abrigos e postos de reparação), assim como a implementação das bicicletas nos percursos casa-escola com a iniciativa BikeBUS, a instalação de um sistema de bicicletas partilhadas e o incentivo do uso de bicicletas nos comboios e autocarros.

“Piso em condições precárias, acessibilidade reduzida a troços cicláveis [que se tornam] geradores de conflito e factores de insegurança, sinalização inadequada ou insuficiente e ausência de vias segregadas” são outras das falhas detectadas pelos dois setubalenses, com base na experiência de circularem de bicicleta na cidade, em trajetos diários motivados por lazer e trabalho.

O Setúbal de Bicicleta tem realizado encontros de ciclismo urbano – diurnos e nocturnos – desde Janeiro, contando com a participação espontânea de largas dezenas de ciclistas, de várias faixas etárias, setubalenses e não só. Na página de Facebook do projecto estão disponíveis mais informações.

 

Passeio nocturno e piquenique na Mourisca

O próximo encontro de ciclismo urbano promovido pelo Setúbal de Bicicleta no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade acontece hoje, segunda-feira, com local de encontro junto do restaurante do Parque do Bonfim às 21h00.

No domingo, dia 24, a data europeia comemora-se ainda com um percurso de 20 quilómetros até ao Moinho de Maré da Mourisca, onde está prevista a realização de um piquenique coletivo com comidas e bebidas levadas por cada participante. Os ciclistas juntar-se-ão na Praça de Bocage às 10h30 e o percurso será feito em grande parte pela estrada da zona industrial. Ambos os passeios são de participação gratuita e não requerem inscrição.

Deixe uma resposta