Sócio do Vitória apresenta queixa na PSP contra funcionário do clube

Desporto Local B

Um associado do Vitória de Setúbal acusa uma pessoa que presta serviço na Gestão de Sócios, localizada no Estádio do Bonfim, de o ter tentado agredir.

Ao DIÁRIO DA REGIÃO, o sócio, que garante ter testemunhas que confirmam a sua versão, revelou que vai apresentar uma queixa-crime na Polícia de Segurança Pública (PSP) contra aquele elemento do clube, que foi travado atempadamente pela segurança presente, e a directora da Gestão de Sócios pela forma passiva como assistiu ao incidente.

Na origem do caos verificado junto da Gestão de Sócios, onde centenas de pessoas acorreram para adquirir os seus ingressos para o jogo, esteve a interrupção no processo de venda de bilhetes devido à vandalização dos cabos da rede informática.

Perante a insatisfação manifestada por muitos associados gerou-se confusão e uma exaltada troca de palavras entre o sócio, que vai apresentar queixa, e a directora da Gestão de Sócios.

A tensão subiu de tom quando o elemento da Gestão de Sócios ameaçou o queixoso física e verbalmente, só não chegando a vias de facto por ter sido impedido de o fazer por quem estava nas instalações.

Depois de ter exposto o caso a dois responsáveis do clube que, lamenta, “relativizaram o sucedido”, o sócio vai também fazer queixa ao Conselho Fiscal e Disciplinar do Vitória. Perante a gravidade do sucedido, o sócio promete “não deixar passar impune este caso”.

Deixe uma resposta