Secretário de Estado elogia criação de Equipas de Intervenção Permanente no Barreiro

Local Últimas B Últimas C

O secretário de estado da Administração Interna, Jorge Gomes, elogiou hoje, 20, a criação de duas Equipas de Intervenção Permanente (EIP) no Barreiro, considerando essencial a existência de pessoas em prontidão nas corporações de bombeiros.

“É muito importante criar estas equipas. Estas associações assentam muito no voluntariado e com estas equipas passamos a ter cinco pessoas, em cada uma das unidades no Barreiro, para ter uma resposta mais rápida e eficiente. É de uma importância vital”, disse Jorge Gomes.

O secretário de estado esteve no Barreiro para a assinatura de protocolos com as duas corporações de bombeiros do concelho, para constituição da EIP com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Sul e Sueste e da EIPIM (Equipa de Intervenção Permanente de Iniciativa Municipal) com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública.

Jorge Gomes referiu que existem já 166 Equipas de Intervenção Permanente no país, mas explicou que ainda existe trabalho para fazer.

“Tem que haver disponibilidade da autarquia, em disponibilizar 50% do custo da EIP, e orçamento de estado para comportar a criação dessas EIP”, defendeu.

O secretário de estado referiu que existem critérios na criação das equipas, sendo um deles a de nenhum concelho ter duas EIP enquanto todos os concelhos do país não tenham uma equipa.

“Esta situação no Barreiro foi ultrapassada pela autarquia e temos aqui no concelho duas equipas. Este processo surge da vontade do governo, das autarquias e das associações enquanto recetoras”, defendeu, salientando a importância de existirem elementos de prontidão.

Jorge Gomes deixou também uma palavra de elogio aos bombeiros.

“Quero aqui deixar um reconhecimento público do governo a todos os bombeiros pelo excelente trabalho que têm desenvolvido”, disse, lembrando também outras entidades envolvidas no combate aos incêndios.

Deixe uma resposta