Vitória perde interesse em Salvador Agra

Desporto

Declarações de extremo do Benfica caíram mal no Bonfim

Salvador Agra não quer o Vitória e, sabe o Diário da Região, o clube também já não quer o jogador. As declarações proferidas pelo extremo do Benfica na sexta-feira, dia em que o golo que apontou pelo Nacional ao Marítimo foi eleito o melhor da I Liga em 2016/17, caíram mal em Setúbal, razão pela qual o clube desinteressou-se da contratação do jogador, que era para chegar por empréstimo das águias ao Bonfim.
Recorde-se que confrontado pelos jornalistas pela possibilidade de rumar ao Vitória, Agra negou de forma categórica, mostrando total indiferença pela possibilidade de vestir a camisola sadina. “Não sei quem vos disse isso do Setúbal. Assinei pelo Benfica e estou a fazer a pré-época lá, ninguém me deu a informação de que eu iria para o Setúbal. Não posso admitir uma coisa que não sei”.
Apesar de Vitória e Benfica terem chegado a acordo para a cedência do atleta, o desejo de Salvador Agra passa por rumar a outras paragens. “Estou a analisar as propostas com o meu empresário. Vou estudar as que tenho de clubes da I Liga, mas, em princípio, vou para fora”, disse o atacante de 25 anos que fez quatro golos em 33 jogos realizado pelo Nacional em 2016/17.
Totalmente pacífica foi a chegada de Patrick Vieira ao Vitória. O defesa, que na temporada anterior representou o Marítimo, chega ao clube por empréstimo do Benfica até ao final da presente época. Ontem o brasileiro já conheceu a sua nova casa e começou a trabalhar com os novos companheiros às ordens de José Couceiro. O jogador, de 26 anos, é, depois do médio João Teixeira, o segundo elemento a ser emprestado pelos benfiquistas ao Vitória.
Entretanto, o treinador José Couceiro já sublinhou a importância de o clube contratar mais jogadores. “Sabemos que vamos ter de reforçar ainda a equipa. Quanto mais cedo chegarem melhor”, disse em declarações à Sport TV, lembrando a proximidade da estreia oficial. “Estamos já muito próximos do início. Logo em agosto temos quatro jogos no campeonato e há a Taça da Liga antes [com o Tondela a 30 de Julho]. Será competição a sério e temos de estar preparados”.
Entretanto, depois da folga de domingo, o plantel voltou ontem, de manhã e de tarde, a treinar no Bonfim. Ao contrário da sessão matinal, a vespertina realizou-se à porta aberta, dando a oportunidade aos adeptos de satisfazerem a curiosidade em torno da equipa. Na quarta-feira, 18 horas, os comandados de José Couceiro fazem, depois do 1-0 sobre o Cova da Piedade, o segundo teste da pré-época diante do Real, da II Liga, jogo que será à porta fechada.

Deixe uma resposta