SETÚBAL: Teatro no Cais 3 da APSS

Local Sociedade Sociedade B

Espectáculo ‘Um D. João Português’, de Luís Miguel Cintra, para ver em duas representações no próximo fim-de-semana


Não esqueças d’O mar (e de rosas)’ é o título do segundo bloco de ‘Um D. João Português’, com dramaturgia e encenação de Luís Miguel Cintra que está a ser construído em Setúbal. No passado Sábado à tarde, os espectadores tiveram possibilidade de assistir a um ensaio, num raro momento de teatro á beira-rio, no Cais 3 da Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra (APSS).
As representações da peça estão programadas para os próximos sábado e domingo, dias 15 e 16, pelas 21h30 , em que os interessados vão poder ver o resultado final dos trabalho que tem vindo a ser realizado na cidade Sadina desde dia 24 de Junho.
As duas sessões terão lugar no Cais 3 do Porto de Setúbal, com entrada gratuita mediante inscrição em [email protected]ail.com.

O protagonista e o criado

Naquele que é o segundo de quatro blocos de trabalho em torno de ‘Um D. João Português’, o protagonista e o seu criado encontram-se numa aldeia junto ao mar. Embora o motivo que ali os leva tenha sido um naufrágio – D. João tentou, em vão, interromper a viagem de uma amante – a forma como são acolhidos pelas aldeãs compensa largamente o “passado infortúnio”. Enquanto se diverte a gerar ciúmes entre duas raparigas, têm início os preparativos: um palco, gambiarras, balões, testes de som, tudo o que é necessário para dar início a um arraial.
A peça é uma co-produção da Companhia Mascarenhas-Martins e do Teatro Viriato e Centro Cultural Vila Flor, com direcção de produção e assistência de encenação de Levi Martins, que conta com os apoios locais da Câmara Municipal de Setúbal e da APSS.

Deixe uma resposta