Secil alarga apoio a novas colectividades de Setúbal

Empresas Local C Últimas B Últimas C

Assinatura de protocolos de cooperação e financiamento contou com mais quatro associações. Novo presidente da empresa sublinha que apesar dos “momentos de dificuldades” recentes a relação com a comunidade não foi descurada

A Secil, Companhia Geral de Cal e Cimento, empresa de produção de cimento com fábrica no Outão, Setúbal, cumpriu na quarta-feira a entrega de subsídios directos a mais de 80 colectividades locais, num apoio anual que, em 14 anos consecutivos, doou já um total de 2,5 milhões ao movimento associativo.
A assinatura de protocolos de cooperação e financiamento, em que a empresa entrega um envelope financeiro a cada uma das colectividades presentes, contou este ano com quatro novas associações, designadamente a Casa do Gaiato de Setúbal, e as associações de moradores de Aldeia Grande, Renascer do Forte e Bairro da Anunciada.
O novo presidente da comissão executiva da Secil sublinhou que apesar de dificuldades recentes, a empresa não descurou o apoio ao movimento associativo.
“Mesmo em momentos de dificuldade, como os que temos passado recentemente, a Secil não descurou a sua relação com a comunidade, mantendo os seus apoios”, disse Otmar Hübscher, acrescentando que a empresa apoia “continuamente mais de 80 associações e iniciativas no concelho de Setúbal e também, pontualmente em Palmela e Sesimbra”.
“Sabemos que a vossa actividade é muito importante para os setubalenses e estamos reconhecidos por fazerem este excelente trabalho que em muito beneficia também os nossos trabalhadores e as suas famílias”, afirmou o responsável.
Segundo o presidente da comissão executiva, o apoio da Secil à comunidade vai para além deste apoio directo às colectividades. A empresa apoia “há décadas” o Hospital Ortopédico do Outão, tem em funcionamento também desde 2003 uma Comissão de Acompanhamento Ambiental “exemplar” e mantém um “estreito relacionamento” com entidades locais, como o Parque Natural da Arrábida (PNA).
Outro dos contributos é a disponibilização, há seis anos consecutivos, do hangar da fábrica do Outão para parqueamento de viaturas durante a época balnear. Segundo a empresa, só no Verão passado a oferta beneficiou 40 mil pessoas.

Maior exportador do Porto de Setúbal

Outro aspecto sublinhado pela administração da empresa é o da relevância para a economia nacional e regional. A cimenteira é já a empresa que mais usa o Porto de Setúbal, com 1,3 milhões de toneladas movimentadas em 2016.
“A Secil tem combatido a crise em Portugal, potenciando a sua actividade exportadora, tornando-se o maior carregador do Porto de Setúbal nos últimos anos. Esta actividade exportadora representa também a contratação de inúmeras outras empresas, gerando emprego.”, refere Otmar Hübscher.
O presidente executivo da companhia lembra que “poucas empresas se podem orgulhar de se manterem em actividade durante já quase nove décadas, em contínua melhoria, crescimento e adaptando-se ao mercado e à sociedade” e avisa que para “poder continuar a manter este elevado padrão de responsabilidade social corporativa”, o grupo “precisa assegurar antes de mais a sua sustentabilidade económico-financeira, o que tem mobilizado profundamente toda a Empresa, em Portugal e no exterior”.
Em 2015, ainda no exercício do anterior presidente executivo Gonçalo Leite, a cimenteira obteve um volume de negócios de 478,6 milhões, numa subida de 11% relativamente aos 431,4 milhões do ano anterior.
A Secil é um Grupo empresarial que assenta a sua actividade na produção e comercialização de cimento, betão pronto, agregados, argamassas, prefabricados de betão e cal hidráulica. Para além disto, também integra empresas que operam em áreas complementares como o desenvolvimento de soluções no domínio da preservação do ambiente e a utilização de resíduos como fonte de energia.
Fundado em Portugal (com fábricas em Outão, Maceira e Cibra), o grupo Secil expandiu-se para o estrangeiro nos últimos 20 anos e conta actualmente com oito fábricas de cimento em sete países e quatro continentes. A companhia é detida a 100% pela Semapa, holding da família Queirós Pereira, que integra o PSI 20 da bolsa de Lisboa.

Lista das associações beneficiadas

Associações de Inclusão Social
– APPACDM
– Banco Alimentar Contra a Fome – Setubal
– Cruz Vermelha
– LATI Liga dos Amigos de Terceira Idade
– Santa Casa da Misericórdia de Sesimbra
– Centro Comunitário S. Sebastião
– APPDA-Assoc. Port. Pertubações do Desenvolvimento e Autismo
– Associação Baptista Shalom
– Associação Meninos de Oiro
– Associação de Saúde Mental Dr. Fernando Ilharco
– ICE Instituto das Comunidades Educativas
– Projecto SOS Bebé -Associação Jubileu Mais
– Associação de Professores e Amigos das Crianças do Casal das Figueiras
– Associação de Insuficientes Renais
– Federação Distrital de Setúbal de Reformados e Pensionistas e Idosos
– Associação Caboverdiana de Setúbal
– Associação de Dadores Benévolos de Sangue de Setúbal
– Sado Acolhe – Associação de Apoio às Crianças, Jovens e Idosos
– Centro de Dia – Ass. de Solidariedade Social da Freguesia da Gâmbia
– ACM Desporto Adaptado
– Cadin – Centro de Apoio ao Desenvolvimento Infantil
– Associação de Moradores Do Bairro da Anunciada (AMBA)
– Associação Moradores de Aldeia Grande
– Casa do Gaiato de Setúbal
– Associação de Moradores Renascer do Forte

Associações Culturais
– Associação Cultural do Conservatório Regional de Setúbal
– Coral Luísa Todi
– Sociedade Filarmónica Perpétua Azeitonense
– Coral Infantil de Setúbal
– Sociedade Musical Capricho Setubalense
– Grupo de Danças e Cantares Regionais do Faralhão
– Rancho Folclórico das Praias do Sado
– Sociedade Musical e Recreativa União Setubalense
– Sociedade Filarmónica Providência
– Universidade Setubalense da Terceira Idade
– Clube Recreativo da Palhavã
– Grupo Coral da Escola Secundária de Bocage
– Grupo Musical e Desportivo União e Progresso
– Associação de Escoteiros de Portugal – Grupo 206
– Clube Setubalense
– Núcleo de Amigos do Bairro Santos Nicolau
– Teatro do Elefante, Acção Cultural CRL
– Água Ardente- Produções Teatrais
– Associação Cultural e Artística Elucid’arte
– Grupo de Animação e Teatro Espelho Mágico
– Nucleo de Poesia de Setúbal
– Associação Setúbal VOZ
– ACTAS – Academia Cultural de Teatro e Artes de Setúbal

Associações Desportivas
– Clube Naval Setubalense
– Centro Cultural e Desportivo de Brejos de Azeitão
– União de Futebol Comércio e Indústria
– Juventude Azeitonense – Associação Cultural e Desportiva
– Clube Desportivo “Os Pelezinhos”
– Grupo Desportivo “Os Amarelos”
– União Desportiva e Recreativa do Casal das Figueiras
– Scalipus Clube de Setúbal
– União Cultural Recreativa e Desportiva Praiense
– Vitória Futebol Clube, Velhas Glórias Valoris Fidelis Causa
– Associação de Atletismo Lebres do Sado
– Associação de Moradores do Bairro Casal de Figueiras
– Associação de Paraquedistas de Setúbal
– Associação de Ténis de Setúbal
– Centro Ciclista Azeitonense
– Centro Cultural e Desportivo dos Trabalhadores da C. M. Setúbal
– Clube de Canoagem de Setúbal
– Clube de Patinagem do Sado
– Clube de Ténis de Setúbal
– Escola de Futebol Feminino de Setúbal
– Grupo Desportivo “Independente”
– Grupo Desportivo e Recreativo 1.º de Maio
– Grupo Desportivo e Recreativo ” O Sindicato”
– Núcleo Recreativo e desportivo”Ídolos da Praça”
– Clube Desportivo e Recreativo “Águias de S. Gabriel”
– Associação de Damas de Setúbal
– Clube de Amadores Pesca Setúbal
– Clube Desportivo Cultural Recreativo Gâmbia
– Clube da Malha Corrida da Azeda
– Clube de Montanhismo da Arrábida
– Clube de Ténis de Mesa de Setúbal
– Grupo Desp., Cult. e Recreat. “Os Ídolos do Chinquilho da Anunciada”
– Grupo Os Amigos do Chinquilho do Bairro Afonso Costa
– Núcleo Desportivo e Cultural da Cooperativa das Manteigadas
– União Desportiva e Recreativa das Pontes
– Volei Clube de Setúbal 1990
– Associação de Atletismo de Setúbal
– Grupo Desportivo da Fonte Nova
– São Domingos Futebol Clube
– Escoteiros Marítimos de Setúbal

Deixe uma resposta