Palmela Wine Jazz arranca esta quinta-feira com Mário Laginha Trio

Local C Sociedade

Fins de tarde descontraídos no castelo de Palmela. “Uma proposta de grande qualidade”, destaca Luís Calha, vereador do Turismo

 

Mário Laginha no piano, Bernardo Moreira no contrabaixo e Alexandre Frazão na bateria. Estes músicos formam o Mário Laginha Trio que actua no Castelo de Palmela, esta noite, dando início ao Palmela Wine Jazz. Além da música, o bar de vinhos, as provas comentadas por enólogos das adegas regionais, a ‘street food’ e a feira de vinhos compõem o programa da iniciativa. Esta vai decorrer até domingo, dia 25, e tem entrada livre.

Segundo Luís Calha, vereador do Turismo e do Desenvolvimento Económico, “esta é uma proposta de grande qualidade que promete agradar aos amantes da boa música e dos melhores vinhos”. De acordo com o mesmo, a quarta edição do Palmela Wine Jazz “trata-se de uma iniciativa que se insere na estratégia de dinamização turística do concelho e valorização do nosso património cultural, material e imaterial”.

A actuação do Mário Laginha Trio está marcada para as 22 horas de hoje. Quanto a sábado, actuarão os Conference Trio (18 horas), os Confluence 5Tet (20 horas) e o Quinteto de José Menezes (22 horas). Jorge Gonçalves & André Rosinha Duo e ‘The Plexus’ são os artistas convidados para domingo, às 18 e às 20 horas, respectivamente. Os concertos vão decorrer na Igreja de Santa Maria e no terraço da Casa Capelo.

O evento é promovido pela Câmara Municipal de Palmela e pela Rota de Vinhos da Península de Setúbal. Tem o apoio da Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa. Ao abrigo do programa ‘Mecenas de Palmela’, os patrocinadores são a Caixa de Crédito Agrícola Entre Tejo e Sado e a IMEGUISA.

 

Deixe uma resposta