Seixal e Almada querem novo acesso à A2 nos Foros da Amora

Regional Últimas

As Câmaras Municipais do Seixal e Almada, no distrito de Setúbal, vão solicitar ao governo uma reunião para discutir a construção de um novo acesso à A2, na zona dos Foros da Amora, anunciou a autarquia seixalense.

“Esta é uma reivindicação das populações que já tem mais de 20 anos, e que surge uma vez que só nas freguesias de Corroios e Amora habitam cerca de 100 mil pessoas, sendo que uma parte significativa destas se desloca para Lisboa, para trabalhar ou para estudar, e que contam apenas com dois acessos à A2 que as pode levar à capital: um no Fogueteiro e outro em Almada”, afirmou Joaquim Santos (CDU), presidente da Câmara do Seixal.

A Câmara Municipal do Seixal, em conjunto com a Câmara Municipal de Almada, as Juntas de Freguesia de Amora e Corroios e a Comissão de Utentes dos Transportes vão enviar um ofício ao ministro do Planeamento e das Infraestruturas para que se estude a obra.

“Com a construção deste novo nó nos Foros de Amora, a população iria repartir-se, melhorando desta forma o tráfego entre o Seixal e Almada e diminuindo as filas frequentes que acontecem em especial na hora de ponta”, acrescentou.

Joaquim Santos salientou que o novo nó de acesso à A2 está previsto nos instrumentos do território da autarquia e o mesmo permitirá, para além da ligação à A2, também “a ligação à EN 10, à ER 10 e à A33, um interface entre estes quatro grandes eixos, sendo por isso uma infraestrutura fundamental para o concelho e para as populações”.

Já o vereador Rui Jorge Martins, com o pelouro da mobilidade na Câmara Municipal de Almada, acrescentou que “com este acesso todos ficariam a ganhar” e que estão “reunidas as condições e por isso há que avançar com a obra”.

Deixe uma resposta