Piquenique “Somos Peixinho” promove Montijo no Parque Municipal

Local Sociedade

Evento realiza-se este sábado durante todo o dia. Só participantes serão 1 200. A adesão de público deverá catapultar o número para patamares muito superiores. Vertente solidária volta a ser imagem de marca

É já amanhã que aquele que se pode considerar como o evento de maior dimensão associativa no Montijo, o Grande Piquenique, promovido pela Associação Somos Peixinho, estará de regresso ao Parque Municipal Carlos Hidalgo Gomes de Loureiro.

Ao longo de todo o dia, a partir das 10h00, vão passar pelo espaço verde mais nobre do concelho 1 200 participantes, entre atletas, escuteiros, bailarinos, músicos, representantes de várias associações e entidades, em actuações alternadas para um dia de convívio, animação e solidariedade, que, a exemplo das duas edições anteriores da iniciativa, promoverá o que de melhor se faz em diversas áreas culturais e desportivas no concelho.

“Pela primeira vez, ocuparemos todo o parque. Começaremos com o desporto pela manhã, depois o almoço entre as 13h00 e as 15h45 ao som da melhor música das últimas cinco ou seis décadas”, antecipou ao DIÁRIO DA REGIÃO Fernando Belo, presidente da associação dos antigos alunos da Escola Jorge Peixinho.

As actividades no palco arrancam pelas 15h45 e prolongam-se até ao “sunset” com a DJoana, seguindo-se várias actuações pela noite dentro. Mas, as actividades não se resumem ao capítulo artístico. “Teremos também em permanência durante todo o dia uma parede de escalada e um slide, operados pelo Agrupamento 72 CNE do Montijo. Pela primeira vez, existirá no piquenique uma pequena feira com bancas de várias instituições da cidade. Far-se-á uma recolha de alimentos para a Associação ‘Os Canitos’”, sublinha o responsável da Somos Peixinho, lembrando que “todos os eventos organizados pela associação têm um cariz solidário”.

“Este não foge à regra, sendo a beneficiária dos lucros obtidos com a venda de bebidas, patrocínios e outras receitas geradas pelo evento a ‘Abrir Caminhos – Lar de Jovens’. A Abrir Caminhos tem a seu cargo cerca de 14 jovens (com idades compreendidas entre 12 e os 19 anos) e tem como principal finalidade o acolhimento terapêutico de jovens em perigo social, proporcionando-lhes estruturas de vida tão aproximadas quanto possível às das suas famílias, com vista ao seu desenvolvimento físico, intelectual e moral, assim como a sua inserção na sociedade”, explica Fernando Belo, salientando, a concluir, que durante o evento “serão vendidas mil pulseiras para angariar fundos para a referida associação”.

Participantes

  • Escola Secundária Jorge Peixinho
  • A Quadrada ACD
  • Movimento DansasAparte/Cercima
  • Escuteiros Afonsoeiro (Futuro Agrupamento da Imaculada Conceição)
  • Cerveja Aldeana
  • Pastel Aldeano
  • Os Canitos
  • PSP
  • DJoana
  • Bombeiros Voluntários de Montijo
  • Cruz Vermelha Portuguesa
  • Roulote Valdemar das Farturas
  • Rádio Popular FM
  • O Passado Português
  • Escola Profissional do Montijo
  • N&E
  • R&F
  • Capital Zero
  • Prece Mintiera
  • Grupo Coral do Montijo
  • Naked Minds
  • Academia Dance Fusion
  • Guitarras de Amigos
  • Academia Sinfonias e Eventos
  • Academia Musimusa
  • United Dance Crew
  • On Stage
  • Mad G Wine
  • Junta de Freguesia da União de Freguesias de Montijo e Afonsoeiro
  • Câmara Municipal de Montijo
  • Gabinete da Juventude da CMM
  • SFSom
  • Agrupamento 72 Escuteiros Montijo
  • Banda Democrática 2 de Janeiro
  • Os Unidos
  • Associação Caminho Ancestral Karaté (a confirmar)
  • Ginásio Clube do Montijo
  • Estúdio Zumba Areias
  • Zumba Musimusa
  • SambaTijo
  • Tai Chi
  • Soc. Fil. 1º Dezembro
  • Feira Dona Edite

Deixe uma resposta