As Festas Populares de São Pedro de 2017

Opinião

As Festas Populares de São Pedro do Montijo, são um grande património histórico da nossa cultura popular. São hoje, outra vez, as melhores festas populares a Sul do Tejo.

 Em 2015 escrevi um texto, sobre as Festas que entre outras coisas, dizia o seguinte:

“As Festas deste ano correram muito bem, bom tempo e uma boa organização, resultou numa das melhores festas dos últimos quarenta  anos.

Não houve um único dia que não estivesse muita gente na Festa. Começou logo na cerimónia da inauguração, com a presença das entidades oficiais e de muitos populares. Muitas centenas de populares, coisa que não era costume, nem nos melhores tempos dos anos cinquenta e sessenta do século passado.

A Comissão das Festas que foi nomeada com tempo pela câmara e  já tinha a experiência do ano passado, conhece bem o gosto dos Montijenses e fez um trabalho notável. Há pequenos detalhes que por vezes custam muito pouco dinheiro e que são muito apreciados por todos: a ligação das duas partes da festa pela rua direita até ao local onde se realizam as largadas constituiu um grande êxito, nunca tínhamos visto tanta gente na rua direita pelas festas; a colocação de seis palcos onde actuaram dezenas de grupos de artistas amadores de Montijo, foi também uma boa ideia; as flores de papel nas varandas e as rendas das árvores da Praça da República, com a colaboração de mulheres Montijenses, mostra bem a grande motivação dos municípes para as nossas festas; o cuidado que puseram na ornamentação dos becos antigos do Bairro dos Pescadores e a deslocação de música aqueles becos foi um detalhe muito importante.”

Esqueci-me de dizer neste texto de 2015 que é sempre importante contratarmos os cavalos da GNR para a procissão de São Pedro e mantermos as oito largadas de toiros.

A Festa dos toiros está enraizada no nosso povo e lamentava eu nesse texto que não houvesse durante as festas pelas menos duas corridas de toiros com qualidade. Este ano dizem que vai haver duas corridas pelas festas: uma com o famoso cavaleiro de Pegões, Luís Rouxinol que vai lidar sózinho seis toiros e outra com um cartel da qual faz parte o famoso cavaleiro Diego Ventura que é filho de Montijenses.

Em 2017 contamos com o entusiasmo cada vez maior da participação do povo nas suas Festas e temos conhecimento que já foram contratados os conhecidos cantores Tony Carreira e João Pedro Pais para virem cantar às nossas Festas.

Está a ser restaurada a ermida de Santo António, na Avenida dos Pescadores, com projecto da famosa artista plástica Montijense Fernanda Fragateiro. Se as obras estiverem prontas para as festas, vai constituir um momento importante, pois trata-se de um edifício muito antigo que faz parte do nosso património cultural edificado e da nossa memória colectiva  que está a ser restaurado com muita qualidade.

Se o tempo estiver bom vai ser um sucesso ainda maior que nos últimos anos que já foram muito bons.

Deixe uma resposta