Câmara reforça em mais 10 mil euros apoios aos bombeiros do concelho

Local

Protocolos já foram assinados entre a autarquia e as associações de Alvalade, Cercal do Alentejo, Santiago do Cacém e Santo André

As quatro associações de bombeiros do concelho de Santiago do Cacém vão ver aumentados os apoios financeiros que recebem da Câmara Municipal, na sequência de protocolos celebrados com a autarquia.

Os documentos, assinados a 26 de Abril entre a edilidade e as corporações de Alvalade, Cercal do Alentejo, Santiago do Cacém e Santo André, permitem, segundo o município, um incremento do apoio anual financeiro na ordem de uma dezena de milhar de euros prestado às quatro associações referidas.

“Trata-se de um aditamento ao protocolo já existente há alguns anos, que contempla um aumento total de 10 mil euros para fazer face a despesas de investimento, nomeadamente na aquisição de viaturas e equipamentos, na parte não comparticipada pelo Estado, bem como outras despesas inerentes ao bom serviço público”, explica a autarquia.

Cada corporação receberá, assim, “mais 2 500 euros por ano, algo que só acontece porque a realidade financeira da Câmara é diferente da que existia em 2011”, justifica Álvaro Beijinha, Presidente da Câmara, ao mesmo tempo que lamenta a “redução brutal por parte das transferências provenientes do Orçamento do Estado”, que no caso do município de Santiago do Cacém ascendeu a “cerca de dois milhões de euros”.

Álvaro Beijinha recorda ainda o “pagamento dos seguros de todas as viaturas dos bombeiros”. “Entendemos que os bombeiros têm um papel absolutamente fundamental no apoio à população e entendemos que devemos fazer este esforço”, acrescentou, deixando no ar a possibilidade de vir a reforçar os apoios no futuro.

Deixe uma resposta